segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

A unção Real -Tema: UNÇÃO DE DEUS, só Jesus e o Rei Davi receberão a unção real do céu. Amém

A unção Real
-Tema: UNÇÃO


continuação do estudo 4 tipos de unção

4- A unção do Rei - AUTORIDADE

I Samuel 16.13

Um rei também devia ser ungido como sinal de autoridade antes de iniciar de fato o seu reinado. Um rei que subisse ao trono sem antes ser ungido, seria considerado um usurpador da coroa. A unção é o que dava legitimidade e autoridade ao rei.
Davi foi ungido por Samuel para ser rei em lugar de Saul que havia abandonado ao Senhor. Mas quando Davi foi escolhido por Deus e ungido por Samuel somos induzidos a pensar que Davi saiu dali e já se tornou rei. Não foi assim. Demorou e muito. Na verdade Davi foi ungido três vezes para então se tornar rei plenamente.
-->  
As três unções reais de Davi:
1ª unção: I Samuel 16.13, unção profética
A primeira vez que Davi foi ungido rei representa um chamado de Deus para sua vida. Foi um ato profético para o levantar como um grande rei. Esta unção o preparou para os desafios que enfrentaria pela frente até chegar definitivamente ao trono.
Logo em seguida à esta unção Davi que ainda era jovem começou a usar esta unção:
-foi ser escudeiro real (I Samuel 16.21);
-tocou harpa para libertar Saul (I Samuel 16.23);
-matou o leão e o urso defendendo as ovelhas (I Samuel 17.34,35);
-venceu o gigante Golias (I Samuel 17.49-51);
-derrotou centenas de filisteus (I Samuel 18.7).
A partir do momento em que foi ungido, Davi não ficou parado, começou a lutar e vencer exercendo o poder que já estava sobre ele. Foi crescendo gradualmente de pastor a escudeiro, depois músico, general e até ser um herói de seu povo.
Em todos os postos que galgou até ser rei sempre foi o mesmo servo de Deus com coração de pastor. Davi não se envaideceu com o sucesso. Ele foi humilde do pasto até ao trono.
Esta unção mostra para nós que Deus nos unge preparando-nos para lutar e vencer. Quando somos ungidos não significa que não teremos problemas, mas sim que se o tivermos teremos a unção para nos ajudar.
A unção te capacita para lutar e vencer!

2ª unção: II Samuel 2.4, unção de autoridade real
Treze anos depois Davi foi ungido pela segunda vez. A segunda unção de Davi foi uma confirmação de que era o escolhido de Deus.
Após a segunda unção, Davi assume o reinado apenas sobre Judá e enfrenta muitas adversidades dos inimigos externos, do próprio povo de Israel e em sua própria família quando seu filho Absalão se levantou para derrubar Davi do trono (II Samuel 15.10-14).
A segunda unção serviu para renovar a autoridade sobre Davi como rei. Foi um tempo de experiência enquanto reinava sobre Judá para depois então, estando preparado reinar sobre todo Israel.
Às vezes queremos receber tudo de Deus de uma só vez e não é assim. É preciso uma caminhada de lutas e conquistas. Deus vai nos abençoando a cada dia e enquanto isso nos prepara para recebermos o melhor que Ele tem para nós. Se formos fiéis no pouco recebemos o muito (Lucas 16.10).
A unção de Deus te dá autoridade par vencer!

3ª unção: II Samuel 5.3, unção sacerdotal
Depois da segunda unção se passaram sete anos e meio (II Samuel 2.11) e Davi foi ungido pela terceira vez. Desta vez ele estava assumindo o trono de todo o Israel e definitivamente seria rei de seu povo.
A terceira unção de Davi é uma prova da sua fidelidade para com Deus e o Senhor o honrou. Após esta unção ele conseguiu trazer a Arca da Aliança ao monte Sião e restabelecer o culto ao Senhor (II Samuel 6.15). Com este ato, Davi alcança mais que autoridade política, consegue ter influência espiritual sobre seu povo.
Esta unção foi de autoridade espiritual. Por isso Davi toma este papel de adorador e sacerdote no meio de seu povo, pois sabia que tinha autoridade espiritual.
Um rei para ser completo devia ter estas três qualidades, profética, real e sacerdotal. Por isso Jesus recebeu dos magos ouro, incenso e mirra, pois é rei, profeta e sacerdote.
O rei tem autoridade para fazer cumprir a vontade de Deus. Davi compreendeu isso e por este motivo se tornou o maior rei de toda a história de Israel.
Deus quer nos ungir com autoridade espiritual para ministrar às vidas. Precisamos aprender a exercer o poder espiritual que temos através da unção de Deus.
A unção te dá autoridade espiritual!
Para quem é a unção do rei?
A unção real é para pessoas que precisam de autoridade para vencer. A unção te autoriza a ser vitorioso e a conquistar o propósito de Deus para você.
Quem nos unge é o rei dos reis e Senhor Assim como em Davi, a unção de Deus se renova sempre em nossas vidas para nos ensinar a enfrentar os obstáculos e fortalecer para o crescimento de sua obra.
Deus pode te ungir quantas vezes for necessário para te capacitar para exercer seu ministério. Quantas vezes você já foi ungido por Deus? O que aconteceu? A cada unção é uma nova conquista!

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

UM OBREIRO SEM APROVAÇÃO DE DEUS, É COMO UMA OVELHA SEM REBANHO.