terça-feira, 26 de agosto de 2014

S E I T A S RELIGIOSAS. ESTÃO INTRODUZIDO ESSA MENTIRA NO MEIO DA IGREJA DE JESUS O CRISTO. JESUS NÃO É RELIGIÃO! É O RELIGAMENTO DO POVO A DEUS..



JESUS  É A ÚNICA VERDADE E VIDA! 

Seita (< latim secta = "seguidor", proveniente de sequi = "seguir") é um conceito utilizado para designar, em princípio, simplesmente qualquer doutrina, ideologia ou sistema que divirja da correspondente doutrina ou sistema dominante, bem como também para designar o próprio conjunto de pessoas (o grupo organizado ou movimento aderente a tal doutrina, ideologia ou sistema), os quais, conquanto divergentes da opinião geral, apresentam significância social. Usualmente conecta-se o termo à sua significação específica (stricto sensu) apenas religiosa, com o que por "seita" entende-se, a priori e de ordinário, imediatamente "seita religiosa".
Porém, tal nexo causal não é imperativo, pois nem sempre uma seita está no domínio religioso.
Seja qual for a sua inserção semilógica, imprescindível é saber que seita, como ideologia ou como grupo que a professa, está colocada em desfavor no jogo do poder, face ao(s) detentor(es) da dominação. Isso vale em religião, política, ou outra qualquer expressão humana. Seita é conceito sempre relativo em termos circunstanciais de espaço-tempo e de grau de abrangência cultural e/ou populacional.


Além disso, é conceito dinâmico, pois o que é "seita" num dado lugar, num dado momento histórico e para dada abrangência cultural e/ou populacional, pode vir a ser a ideologia dominante numa outra circunstância (espaço-tempo, cultura etc. diferentes, subsequentes). O conceito essencial de "seita" conecta-se com o de heresia, já que este significa o conjunto de idéias que, em princípio e face às consideradas dominantes, destas divergem e devem, portanto, ser rejeitadas. A questão da rejeição é, naturalmente, tão pura e simplesmente, apenas imposição do poder da estrutura ideológica que está no domínio.

Uma seita é qualquer grupo que se afasta do ensino da Palavra de Deus para divulgar suas próprias idéias religiosas. Algumas Características Comum nas Seitas :Jesus não é o centro das atenções. Normalmente as seitas possuem outros deuses ou profetas e acabam colocando Cristo em segundo plano.Tem outras fontes doutrinárias além da Bíblia e crêem apenas em partes da Bíblia; consideram inspirados os escritos dos seus fundadores e os colocam no mesmo nível da Bíblia. * Dizem serem os únicos certos.

Geralmente ensinam o homem a desenvolver sua própria salvação. "HERESIAS E SEITAS" O mesmo espírito religioso que está por detrás de cultos como o islamismo, o animismo (adoração de espíritos, englobando todas as formas de umbanda), o espiritismo e outras manifestações religiosas, está também por detrás de todas as seitas e heresias que surgiram no meio da Igreja no decorrer da história. Na verdade, o diabo é especialista em variar suas armas no ataque contra a Igreja. A diferença entre o paganismo e o cristianismo é fácil de ser detectada, mas o mesmo não acontece entre o cristianismo verdadeiro e alguns movimentos heréticos.


HERESIA A palavra "heresia" vem do termo grego "hairesis". Essa palavra é empregada no Novo Testamento com dois sentidos principais: (1) seita, no sentido de facção ou partido, um corpo de partidários de determinadas doutrinas (veja At 5:17; 15:5; 24:5; 26:5; 28:22); e (2) opinião contrária à doutrina prevalecente, de cujo ponto de vista é considerada heresia (veja 2 Pe 2:1). 1 Co 11:19; Gl 5:20

Nestes dois textos, o termo haireseis procura definir a atividade facciosa ou partidária. No primeiro, o sentido negativo do termo "partidos" é esclarecido pelo contexto: os aprovados são aqueles que não tomam parte nos "partidos".No segundo, é traduzido como "facções". SEITA Podemos compreender melhor o que são seitas se, em primeiro lugar, verificarmos qual a diferença entre "seita" e "heresia". "Por definição, um herege é um cristão professo que está errado com relação a alguma verdade particular, ao passo que o ponto essencial quanto às seitas é que elas absolutamente não são cristãs, e sim contrafações do cristianismo. "Em seu sentido mais genérico, seita é "devoção a uma pessoa ou coisa particular, dedicada por uma corporação de adeptos". Esta definição está na raiz de termos como "sectarismo", e por esse ângulo tanto um partido político como uma torcida organizada de futebol poderiam ser classificados como "seita". As seitas aparecem invariavelmente como falsificações da fé cristã.


Podemos dizer que as seitas, em sua maior parte, são o produto final das heresias, ou seja, o resultado da fermentação herética na massa da igreja. Nem toda heresia culmina na formação de uma seita, mas toda seita possui em seu sistema elementos heréticos.
A palavra seita provém do latim secta (de sequi, que significa seguir), um curso de acção ou forma de vida, designando também um código comportamental ou princípios de vida ou ainda uma escola de filosofia ou doutrinas. Um sectator é um guia leal, aderente ou seguidor.


As palavras sectarius ou sectilis referem-se também ao corte ou acto de cortar, embora a etimologia da palavra não tenha semelhança alguma com a definição moderna que lhe é dada dentro do contexto atual. [editar]Seita religiosa Seita designa um grupo de pessoas (um movimento) que professam nova ideologia divergente daquela da(s) religião(ões) que são consideradas dominantes e ou oficiais, geralmente dirigidos por líder com características de personalidade consideradas carismáticas, mas ainda com fraco ou pouco reconhecimento geral por parte da sociedade. Mas, já se viu, a questão do reconhecimento é tão-apenas relativa. Em oposição, o termo denominação religiosa é utilizado para designar os movimentos com reconhecimento geral na sociedade, de forma tal que, no Islão, os grandes grupos de seguidores wahhabis, xiitas e sunitas sejam considerados por muitos como seitas - que de fato o são, no sentido etimológico da palavra.


A regra se aplica também a qualquer outra divisão religiosa, contudo, pelo sentido que lhe é atribuído, muitas consideram inadequada tal denominação. As chamadas seitas, são consideradas pessoas que seguem uma tal doutrina. Muitas das chamadas "seitas" desmembram-se, cessam ou mudam de direção ideológica e/ou doutrinária com o desaparecimento dos seus líderes. Outras vezes, na ampla dinâmica histórica, aqueles outrora ditos "seitas" passam a assumir posição de domínio.


Do ponto de vista legal, os estados ocidentais passam a reconhecer as seitas religiosas como denominações religiosas quando estas obtêm registro oficial como pessoa jurídica, embora a perseguição religiosa e as injunções de manipulação de poder nem por isso se extingam. Com efeito, têm sido uma prática constante ao longo dos tempos para os grupos considerados como seitas.


Seitas Religiosas Seitas religiosas são ainda um aspecto assustador de vida americana moderna. Eles normalmente vitimam em jovens confusos, separando-os das suas famílias num tempo quando seu julgamento está mais fraco. As seitas fornecem redes de apoio para os jovens com problemas de adaptação ou auto-estima baixa. O grupo mais famoso de seita para muitos anos era a corrida de Igreja de Unificação pelo coreano o Dr. Cantou Myung Lua. Os milhares de "Moonies" jovem iriam porta a porta vender flores e solicitar dinheiro para a igreja, dormindo em furgões ou dormitórios comunais e pregar os ensinos da seita na rua.

Em casos discutíveis, pais tiveram que seqüestrar e "de-programa" o próprias crianças poupá-los da seita. Outras seitas e movimentos de millennial têm de quando em quando causado chocando acontecimentos tal como suicídios de massa. Em 1997, por exemplo, 39 membros do "Portão de Céus" organização cometeu suicídio juntos num acontecimento projetado coincidir com a chegada do Robusto- cometa de Bopp, que eles interpretaram como seu sinal deixar a existência terreno.

As seitas correm a gama de benigno a assustar, mas eles também destaca dois fatos chaves sobre religião em América: é intenso, e altamente é variado. 


  

 MAÇONARIA
  
  
 "E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as." [Efésios 5:11]
A Loja Maçônica afirma ser uma organização fraternal e nega que a Maçonaria seja uma religião. Todavia, ensina um plano de salvação que não requer fé em Jesus Cristo. Se você é um mestre maçom, sabe que isso é verdade, pois participou de rituais maçônicos que ensinam salvação sem Jesus e provavelmente já assistiu outros serem conduzidos pelos mesmos rituais.
O Que o Ritual Ensina Sobre a Salvação?
No grau Aprendiz, o Mestre Venerável pergunta, "Que cobertura tem a loja?" O Administrador Sênior responde:
"Um dossel de nuvens ou um céu estrelado ao qual todos os bons maçons esperam chegar no fim..."
Durante o grau Mestre Maçom, o Venerável pergunta, "Qual é o significado dos três degraus normalmente delineados no Carpete do Mestre? A seguinte resposta é dada pelo Administrador Sênior:
"Como Companheiros, devemos aplicar nosso conhecimento ao cumprimento de nossos respectivos deveres a Deus, ao nosso próximo, e a nós mesmos; para que, no tempo devido, como Mestres Maçons, possamos desfrutar as bem-aventuradas reflexões decorrentes de uma vida bem-vivida e morrer na esperança de uma gloriosa imortalidade."
Quando você retratou Hirão-Abi, o Mestre Venerável fez uma oração imediatamente antes de você (como Hirão-Abi) ser "ressuscitado" dos mortos. A oração dele terminou com estas palavras:
"Assim, Senhor! Tenha compaixão dos filhos da tua criação; conforta-os nos dias de adversidade, e salva-os com uma eterna salvação. Amém."
No encerramento da lenda do Terceiro Grau, o Administrador Sênior diz:
"Finalmente, meus irmãos, imitemos nosso Grande Mestre, Hirão-Abi, em sua virtuosa conduta, sua genuína piedade a Deus, e sua inflexível fidelidade ao que lhe estava confiado; para que, como ele, possamos dar as boas-vindas ao severo tirano, a Morte, e recebê-la como um gentil mensageiro do nosso Supremo Grande Mestre, para nos transportar desta imperfeita para a toda perfeita, gloriosa e celestial Loja lá em cima, onde o Supremo Arquiteto do Universo preside."
A explicação a seguir do significado da Lenda do Terceiro Grau encontra-se na página 96 do Manual of the Lodge [Manual da Loja], de Albert Mackey:
"Era o único objeto de todos os ritos e mistérios antigos praticados no seio das trevas pagãs... ensinar a imortalidade da alma. Esse ainda é o principal propósito do terceiro grau da Maçonaria. Esse é o escopo e objetivo do seu ritual. O Mestre Maçom representa o homem, quando jovem, quando adulto, quando velho, e a vida passou como sombras efêmeras, porém ressuscitado do túmulo da iniqüidade, e despertado para outra e melhor existência. Por sua lenda e por todo seu ritual, é implícito que fomos redimidos da morte do pecado e o sepulcro da poluição... e a conclusão a qual chegamos é, que a juventude, adequadamente orientada, leva a uma maturidade honrosa e virtuosa, e que a vida do homem adulto, regulada pela moralidade, fé e justiça, será recompensada na hora do seu encerramento pela visão da felicidade eterna... o Mestre Maçom representa um homem salvo do túmulo da iniqüidade, e ressuscitado para a fé da salvação."
A Maçonaria ensina que os Mestres Maçons, como um grupo, podem morrer na esperança de uma gloriosa imortalidade, que representam aqueles ressuscitados do túmulo da iniqüidade e que foram redimidos da morte do pecado. A Maçonaria está ensinando que os Mestres Maçons têm a salvação!
A Bíblia Sagrada Explica o Plano de Deus da Salvação
Jesus Cristo é o único caminho para a salvação. O apóstolo Pedro disse:
"Seja conhecido de vós todos, e de todo o povo de Israel, que em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, aquele a quem vós crucificastes e a quem Deus ressuscitou dentre os mortos, em nome desse é que este está são diante de vós. Ele é a pedra que foi rejeitada por vós, os edificadores, a qual foi posta por cabeça de esquina. E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos." [Atos 4:10-12].
João registrou as solenes palavras de Jesus Cristo:
"Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim." [João 14:6].
O grupo de homens conhecidos como Mestres Maçons inclui hindus, muçulmanos, budistas, homens que professam serem cristãos e homens que não tem outra religião além da Maçonaria. Os hindus, muçulmanos, e budistas todos rejeitam a divindade de Jesus Cristo e o rejeitam como Salvador e Redentor de toda a humanidade. Como a Maçonaria está ensinando que os Mestres Maçons, como um grupo, podem morrer na esperança de uma gloriosa imortalidade, que representam aqueles ressuscitados do túmulo da iniqüidade e que foram redimidos da morte do pecado, está ensinando um evangelho de salvação que não requer a fé em Jesus Cristo.
A Penalidade Por Promover um Falso Evangelho: Condenação
Paulo, um dos apóstolos de Jesus Cristo, disse:
"Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema." [Gálatas 1:8].
A Loja Maçônica está promovendo a fé em outro evangelho que condenará os homens a uma eternidade no inferno. Os outros homens na loja compreendem o que os rituais maçônicos ensinam. Poucos deles compreendem o evangelho de Jesus Cristo. Muitos engoliram a mentira maçônica e acreditam que possam receber a salvação por meio da Maçonaria. Eles não conhecem a Jesus Cristo e não vêem necessidade de se tornarem cristãos. Afinal, o que mais Jesus Cristo poderia lhes oferecer? Eles observaram você sentar-se em silenciosa concordância enquanto o ritual maçônico, que ensina salvação sem Jesus Cristo, é encenado. Qualquer credibilidade que você pode ter tido como cristão, "seu testemunho", foi severamente prejudicado — se não totalmente destruído — pela sua silenciosa participação. [Como diz o ditado, "Quem cala, consente."] Se o plano da loja de salvação não fosse verdadeiro, você, como cristão, teria feito oposição, não teria? Certamente não estaria participando dele há vários anos e tampouco estaria encorajando outros homens a participar.
Na igreja do primeiro século, alguns imaginavam que podiam ser cristãos e continuar participando nas religiões pagãs. Paulo falou claramente sobre essa questão na sua carta aos coríntios:
Qualquer religião que não seja o judaísmo ou o cristianismo é pagã. A Maçonaria oferece um plano de salvação sem Jesus Cristo. Portanto, é uma religião não-cristã. Como a Maçonaria também não é judaísmo, é claramente uma forma de paganismo. As Escrituras são bem claras sobre o assunto da participação do cristão no paganismo. O cristão simplesmente não pode participar no paganismo. Se você consegue participar no paganismo da Maçonaria após ter essas questões levadas ao seu conhecimento, então é óbvio que não tem a intenção de seguir a Cristo.
É possível que você não tenha compreendido o alcance total de como tem negado a Jesus Cristo. Ele disse:
"Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus."[Mateus 10:33].
O Senhor Jesus Cristo está disposto a perdoá-lo. Na verdade, ele deseja perdoá-lo. No entanto, o perdão dele depende do seu arrependimento e confissão. Você precisa renunciar à Maçonaria. Paulo escreveu:

Pode um homem ser cristão e ao mesmo tempo associar-se com outro grupo que oferece salvação sem Jesus Cristo? O que Jesus Cristo diria? A opinião de quem mais realmente importa?
SEITAS

Evangelizando e pregando a palavra de Deus, só o que temos na bíblia, o que Deus se revelou a nós, entao pregando a palavra nos deparamos muitas vezes com as seítas.

Elas muitas vezes enganam até os cristaos, muitas pessoas se consideram cristas e seguem as seítas. Como pode ser isso? Nao sou pastora, nao sou missionária, sou apenas uma serva que preza pela palavra de Deus, verdadeira e fiel em tudo que Deus quer te falar e que deixou esse ministério para o nosso Senhor e salvador Jesus Cristo que quando subiu aos céus, deixou para nós pregar a palavra, ensinando (Mateus 28:19,20) e fazendo discípulos, está escrito na bíblia, por que eu faria algo diferente? Nao podemos crer apenas em um versículo ou um capítulo da bíblia, temos que crer nela toda, se crer apenas em uma parte diz que a outra é mentira, como pode? Vou dar um exemplo: Jesus Cristo, o nosso Senhor, as seítas nao creem na divindade de Jesus Cristo e quando nao envolve o nosso Senhor em segundo plano, como pode? Leiam essa parte da bíblia, sao promessas e verdades escritas e ditas por nosso Senhor Jesus Cristo, enviado de Deus o nosso pai, leiam:

João Capítulo 14 1. Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.

2.Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito.Vou preparar-vos lugar

3. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.

4. Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho.

5. Disse-lhe Tomé: Senhor, nós não sabemos para onde vais; e como podemos saber o caminho?

6. Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.

7. Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto. Palavra e promessa maravilhosa, como posso eu meu Deus nao crer no nosso Senhor e salvador? Aleluias! Infelizmente pessoas, muitas, milhares, seguem seítas, creio eu que por falta de conhecimento, de fé e por nao? de amor.

Os que seguem seítas fecham os olhos para a verdadeira palavra de Deus, muito explicado está, orando a Deus Ele te dar entendimento de todas as coisas, Deus é espírito, sobrenatural, está além de nós, Deus criou a terra e tudo que nela há, é o dono da terra e de todos nós , somos ovelhas do Seu pasto, vamos louvar a Deus eternamente porque nos fez e por ter nos enviado Jesus Cristo, Leiam:

Salmos Capítulo 100 1. Celebrai com júbilo ao SENHOR, todas as terras.

2. Servi ao SENHOR com alegria; e entrai diante dele com canto.

3. Sabei que o SENHOR é Deus; foi ele que nos fez, e não nós a nós mesmos; somos povo seu e ovelhas do seu pasto.

4. Entrai pelas portas dele com gratidão, e em seus átrios com louvor; louvai-o, e bendizei o seu nome.

5. Porque o SENHOR é bom, e eterna a sua misericórdia; e a sua verdade dura de geração em geração. Aleluias.

Entao como podem nao acreditar em tantas e tantas promessas e verdades maravilhosas? Por que seguir seítas?

Oremos: Meu Deus e Senhor, justo e verdadeiro, fiel e digno, maravilhoso e eterno, eviastes a nós Teu Filho amado JESUS CRISTO para que nós pudessemos chegar até TI, morar no céu, cremos nisso meu Deus por isso te pedmos afasta de nós todas essas seítas que nao prega a tua palavra, derrama teu espírito sobre nós e abre nossos olhos para que possamos enchergar o mal, ajuda-nos Senhor pois Tú És o nosso refúrgio e fortaleza, te pedimos todas essas coisas no nome Santo de JESUS, amém.


Nenhum comentário:

Postagem em destaque