quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Acompanhe tudo com a Bíblia e na Bíblia. Amém

QUAIS OS SINAIS DA VOLTA DE JESUS?


1¬ļ SINAL - ENGANA√á√ÉO SEM PRECEDENTES



Nesta série de postagens, faremos uma análise à luz da Bíblia Sagrada, dos sinais que antecedem a segunda vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo, comparando estes sinais com a realidade da humanidade na geração em que vivemosl.

No livro de Mateus, no capítulo 24, versos 3 a 5, temos as perguntas dos discípulos e as respostas de Jesus:

"E, estando assentado no monte das Oliveiras, chegaram-se a ele os seus disc√≠pulos, em particular, dizendo: Dize-nos quando ser√£o essas coisas, e que sinal haver√° da tua vinda e do fim do mundo? E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ningu√©m vos engane; Porque muitos vir√£o em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganar√£o a muitos."

Nesta passagem, o Senhor Jesus responde os seus discípulos mencionando não somente um sinal, como eles pediram, mas lista uma série de sinais que antecederia a sua vinda, e o primeiro sinal é o da enganação sem precedentes.

A palavra "Cristo" significa "O Ungido", e é uma tradução do hebraico "Messias" que quer dizer "Deus conosco", ou seja, o Cristo é o próprio Deus habitando no nosso meio.

Se Jesus é o Cristo, logo ele é a verdade e solução de todas as coisas, e fora dele não hà nenhuma verdade. Assim, ao dizer que muitos serão enganados, Jesus deixa claro que os falsos cristos afirmarão possuirem a verdade, ou serem a verdade.

Isso é justamente o que temos visto atualmente. Nunca a humanidade esteve tão perdida. A verdade foi relativizada, inclusive existe até o ditado, de que "cada um tem a sua verdade".

Uns seguem a Buda, outros a Maomé, outros a Ghandi, outros a Karl Max, outros a Maria. Mas somente aqueles que cumprem os mandamentos de Jesus Cristo, nunca serão enganados.

2¬ļ SINAL - GUERRAS E RUMORES DE GUERRAS



Continuando a mencionar aos seus discípulos os sinais que indicariam a iminência da sua volta, o Senhor Jesus fala sobre as guerras e os rumores de guerra. Vejamos Mt 24:6-8, que diz assim:

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai não vos assusteis, porque é mister que isso tudo acontença, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares."

√Č interessante observar, que guerras sempre existiram na hist√≥ria da humanidade, mas, que no √ļltimo s√©culo, morreram mas pessoas nas guerras (direta e indiretamente), que nos 1900 anos anteriores. N√£o obstante, com o advento da globaliza√ß√£o e com a evolu√ß√£o da m√≠dia, os conflitos regionais passaram a ter visibilidade mundial, e com isso, passou a cumprir-se de forma efetiva o 2¬ļ sinal da volta de Cristo, qual seja a r√°pida dispersa√ß√£o das informa√ß√Ķes sobre as guerras, e tamb√©m os boatos sobre as poss√≠veis guerras.

Notemos que Jesus fala sobre o conflito entre na√ß√Ķes e entre reinos, o qual nos leva a concluir que na√ß√Ķes representam os diferentes povos e os reinos s√£o os governantes destes povos. Temos observado com uma frequ√™ncia assustadora e cada vez maior estes conflitos preditos pelo Mestre, sejam povos, como indianos e paquistaneses ou israelenses e √°rabes, sejam governos, como os dos Estados Unidos e China.

Por fim, Jesus, demonstrando seu amor e seu cuidado, diz para nós não nos assustamos e apenas depositamos nele a nossa confiança, pois estas coisas são apenas o princípio de dores, ou seja, o começo dos sinais que indicam sobre a breviedade de sua volta

3¬ļ SINAL - FOME INTENSA EM V√ĀRIOS LUGARES DO MUNDO



"Porquanto se levantar√° na√ß√£o contra na√ß√£o, e reino contra reino, e haver√° fomes, e pestes, e terremotos, em v√°rios lugares."



√Č bem verdade que as guerras e as fomes t√™m acompanhado a humanidade por muito tempo. Mas, Jesus, ao mencionar aos seus disc√≠pulos os sinais que indicariam a proximidade da sua vinda, estava indicando que estes sinais aconteceriam de forma mais intensa, e tamb√©m seriam mais amplamente espalhados pelo mundo.

Se observarmos a par√°bola da figueira, quando Jesus menciona o per√≠odo de uma gera√ß√£o b√≠blica: "Em verdade vos digo que n√£o passar√° esta gera√ß√£o sem que todas estas coisas aconte√ßam.", e ainda, em Salmos 90:10 "A dura√ß√£o da nossa vida √© de setenta anos...", podemos ver que a gera√ß√£o que viu a figueira renascer (Israel foi criado em 1948), presenciou um aumento dram√°tico em intensidade e tamanho dos sinais que indicam a proximidade da vinda de Cristo.

Estes sinais est√£o intr√≠nsicamente relacionados, pois guerras trazem consigo crises financeiras, e estas a fome. Podemos presenciar a situa√ß√£o cr√≠tica em que milhares de pessoas no mundo n√£o possuem sequer o b√°sico para alimentar-se, seja no Brasil (desigualdades sociais), seja na √Āfrica (guerras e secas), na √Āsia (chuvas).

A quest√£o √© que, embora o homem tenha aumentado a produ√ß√£o de alimentos, por diversos motivos, estes alimentos n√£o tem chegado √† mesa de muitas pessoas em todo o mundo, fazendo da fome um problema cr√īnico que tem desafiado os Estados quanto √† dificuldade de solu√ß√£o.

Assim, indubitavelmente, temos mais um sinal da volta de Jesus cumprindo-se diante dos nossos olhos.

4¬ļ SINAL - EPIDEMIAS GLOBAIS



"Porquanto se levantar√° na√ß√£o contra na√ß√£o, e reino contra reino, e haver√° fomes, e pestes, e terremotos, em v√°rios lugares."


√Č incr√≠vel como nas √ļltimas d√©cadas, e particularmente nos √ļltimos anos, tem ocorrido o aparecimento de tantas doen√ßas anteriormente n√£o conhecidas e com o poder de propaga√ß√£o a n√≠vel mundial. Podemos listar, a aids, o ebola, a gripe do frango, a gripe su√≠na, a gripe espanhola, entre tantas outras doen√ßas que surgem em uma determinada regi√£o do planeta e logo se alastram, sem fronteiras, causando p√Ęnico em toda a popula√ß√£o mundial.

Certamente, este é o sinal que Cristo mencionou, quando afirmou que apareceriam pestes em vários lugares do mundo. Para nós, cristãos, esses sinais são claros, sem possibilidade alguma de confusão quanto à época do retorno de Nosso Senhor Jesus Cristo.

O objetivo central deste blog é, justamente, apresentar estes sinais e as evidências bíblicas que nos mostram o iminente retorno de Jesus à nossa geração.

Felizes s√£o aqueles que lavaram as suas vestiduras no sangue do Cordeiro, e que est√£o vigilantes e atentos aos sinais deixados pelo Mestre

5¬ļ SINAL - TERREMOTOS EM V√ĀRIOS LUGARES



"Porquanto se levantar√° na√ß√£o contra na√ß√£o, e reino contra reino, e haver√° fomes, e pestes, e terremotos, em v√°rios lugares. Mas todas estas coisas s√£o o princ√≠pio das dores."


A ocorr√™ncia de terremotos t√™m aumentado de forma impressionante. Segundo especialistas, no s√©culo XX aconteceram mais terremotos que em toda a hist√≥ria humana conhecida, e na √ļltima d√©cada, aconteceram mais terremotos que em todo o s√©culo XX. No discurso acima, o Senhor Jesus menciona mais um sinal, qual seria a ocorr√™ncia de terremotos em v√°rios lugares do mundo, e diz ainda que estes sinais ser√£o apenas o princ√≠pio das dores.

Por falar em "dores", nos faz lembrar da mulher que est√° para dar a luz, e √† medida que aproxima-se o momento da concep√ß√£o, as contra√ß√Ķes e as dores aumentam em intensidade e em per√≠odo de tempo. √Č exatamente isto que temos observado nestes √ļltimos dias antes da volta de Jesus a esta terra. Os sinais que Ele mencionou para que observ√°ssemos est√£o acontecendo cada vez mais fortes e com menor intervalo de tempo entre eles.

No caso dos terremotos, podemos mencionar a incid√™ncia de forma global: M√©xico, Argentina, Chile, Estados Unidos, Jap√£o, Ir√£, Paquist√£o, Espanha, Nova Zel√Ęndia, Haiti, entre tantos outros pa√≠ses, que foram abalados recentemente por terremotos.

Sem d√ļvida, este √© mais um sinal para n√≥s, crist√£os, ficarmos atentos √†s palavras infal√≠veis do Mestre

6¬ļ SINAL - COISAS ESPANTOSAS E GRANDES SINAIS NO SISTEMA SOLAR

Lc 21:11 - "E haver√° em v√°rios lugares grandes terremotos, e fomes e pestil√™ncias; haver√° tamb√©m coisas espantosas, e grandes sinais do c√©u."



Lc 21:25-26 - "E haver√° sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra ang√ļstia das na√ß√Ķes, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas; homens desmaiando de terror, na expecta√ß√£o das coisas que sobrevir√£o ao mundo. Porquanto as virtudes do c√©u ser√£o abaladas."

Lendo estes versículos, parece que estamos tendo acesso ás notícias que estão acontecendo no nosso tempo. Estes sinais deixados por Cristo são tão patentes, que nos dão a certeza de que Ele voltará e os nossos olhos O verão vindo nos levar deste mundo tenebroso.

Vejamos alguns dos grandes sinais na atmosfera, no sol, na lua e no espaço sideral que estão acontecendo agora mesmo:

1- O terremoto que atingiu o Japão em 2011, alterou o eixo de rotação da terra;

2 - Os ufologistas n√£o se cansam de propagar as apari√ß√Ķes dos objetos voadores n√£o identificados;

3 - A terra t√™m sido inundada com o fen√īmeno da aurora boreal;

4 - A lua está com a sua posição em relação à terra alterada;

5 - Repetidas vezes a mídia têm divulgado a presença de asteróides com rota provável de colisão com terra;

6 - A ocorrência de riscos à humanidade por conta das "chuvas de meteoritos";

7 - O sol está apresentando grandes instabilidades, emitindo assim tempestades de calor em direção ao espaço;



Estes s√£o os sinais descritos por Jesus que aconteceriam fora da Terra. No 7¬ļ sinal, veremos os sinais que ocorreriam na Terra, especificamente com o homem e com a natureza

7¬ļ SINAL - GRANDES INSTABILIDADES NA NATUREZA E NO COMPORTAMENTO HUMANO

Lc 21:25-26 - "E haver√° sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra ang√ļstia das na√ß√Ķes, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas; homens desmaiando de terror, na expecta√ß√£o das coisas que sobrevir√£o ao mundo. Porquanto as virtudes do c√©u ser√£o abaladas."

Enquanto no sistema solar, o sol, a lua e as estrelas nos mostram os sinais de instabilidade, na Terra tamb√©m vemos o 7¬ļ sinal predito por Jesus, qual seja o desequil√≠brio da natureza e o comportamento desesperador da humanidade, na ang√ļstia em saber e sentir a desarmonia do cosmos.

Os tsunamis s√£o eventos caracterizados por enormes ondas do mar que, por causa da ocorr√™ncia de um terremoto submarino passam a ser criadas e direcionadas ao continente. S√£o fen√īmenos a muito conhecido, principalmente pelos orientais, mas, o que caracteriza este acontecimento como um dos sinais que indicam a iminente volta de Jesus, √© o aumento da sua frequ√™ncia, conforme temos visto atualmente.

Em consequ√™ncia destas ondas, dos terremotos, dos sinais celestes, das guerras e revolu√ß√Ķes, dos furac√Ķes e pricipalmente da aus√™ncia da paz interior que s√≥ Jesus pode oferecer, os homens t√™m apresentado atualmente um comportamente de total desespero e incerteza com rela√ß√£o ao futuro

8¬ļ SINAL - O RENASCIMENTO DA FIGUEIRA (ISRAEL) OCUPANDO LUGAR CENTRAL NO MUNDO


Mt 24:32-34 - "Aprendei pois a par√°bola da figueira: Quando j√° os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que est√° pr√≥ximo o ver√£o. Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele est√° pr√≥ximo √†s portas. Em verdade vos digo que n√£o passar√° esta gera√ß√£o sem que todas estas coisas aconte√ßam."

Sl 90:10 - "A dura√ß√£o da nossa vida √© de setenta anos..."


Jesus veio inicialmente a este mundo como o descendente de Davi que seria o Messias de Israel. Com a rejeição dos judeus a Cristo, eles, no ano 70 d.C foram expulsos da Judéia e dispersos pelo mundo. Assim, Jesus profetizou que um dos sinais de que Ele estaria retornando, seria justamente o renascimento da nação de Israel com o respectivo retorno do povo judeu para a sua terra. Isto aconteceu de fato, após a segunda guerra mundial, sendo que no dia 15 de maio de 1948 estava criado oficialmente o Estado de Israel.

Jesus ainda disse, que a gera√ß√£o que veria o renascimento de Israel, n√£o passaria, sem que todos os sinais, inclusive o seu retorno, acontecesse. Mas sabemos, que uma gera√ß√£o b√≠blica, conforme Sl 90:10, s√£o de 70 anos judaicos (aproximadamente 69 anos gregorianos). Assim, esta gera√ß√£o est√° prevista para acabar no ano de 2017.

A palavra de Deus diz que n√£o somente Israel renasceria, mas que ocuparia um lugar central na hist√≥ria do mundo, conforme vemos em Zc 12:2-3- "Eis que porei a Jerusal√©m como um copo de tremor para todos os povos em redor, e tamb√©m para Jud√°, quando do cerco contra Jerusal√©m. E acontecer√° naquele dia que farei de Jerusal√©m uma pedra pesada para todos os povos; todos os que carregarem com ela certamente ser√£o despeda√ßados, e ajuntar-se-√£o contra ela todas as na√ß√Ķes da terra.". E, em Zc 12:9, completa: "E acontecer√°, naquele dia, que procurarei destruir todas as na√ß√Ķes que vierem contra Jerusal√©m;"

Este √© justamente o cen√°rio que temos visto, em que todas as na√ß√Ķes da terra t√™m voltado suas aten√ß√Ķes para Israel, com o objetivo de riscar esta pequenina e pederosa na√ß√£o do mapa

9¬ļ SINAL - O ANTICRISTO E O FALSO PROFETA

Mt 24:5 - "Porque muitos vir√£o em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganar√£o a muitos."

Mt 24:23 - "Ent√£o, se algu√©m vos disser: Eis que o Cristo est√° aqui, ou ali, n√£o lhes deis cr√©dito;"

Mt 24:15 - "Quando pois virdes que a abomina√ß√£o da desola√ß√£o, de que falou o profeta Daniel, est√° no lugar santo; quem l√™, atenda;"

Dn 9:27 - "E ele firmar√° um concerto com muitos por uma semana: e na metade da semana far√° cessar o sacrif√≠cio e a oferta de manjares; e sobre a asa das abomina√ß√Ķesvir√° o assolador, e isso at√© √† consuma√ß√£o; e o que est√° determinado ser√° derramado sobre o assolador."

II Tess 2:1-4 - "Ningu√©m de maneira alguma vos engane; porque n√£o ser√° assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdi√ß√£o; O qual se op√Ķe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentar√°, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus,"

Jo 5:43 - "Eu vim em nome do meu Pai, e n√£o me aceitais; se outro vier em seu pr√≥prio nome, a esse aceitareis."


Crise financeira mundial, terceira guerra mundial, falsa amea√ßa de invas√£o alien√≠gena, falso aquecimento global, tormentas solares, grandes terremotos e tsunamis, quedas de aster√≥ides, chuvas de meteoritos, fomes e pestil√™ncias em escala global. √Č neste cen√°rio, que de forma sutil aparecer√° uma pessoa, que, com o discurso de "unidade na diversidade", "todos somos um", conseguir√° resolver, aparentemente, as calamidades humanas.

A crise financeira mundial ser√° resolvida com a moeda √ļnica mundial, provavelmente o chip sob a pele. A guerra ser√° resolvida com um acordo entre Israel, os √°rabes e o resto do mundo. O falso aquecimento global ser√° enfrentado com o estabelecimento de uma economia mundial "verde". As diferen√ßas religiosas ser√£o sanadas atrav√©s do conselho mundial das religi√Ķes, sob o comando do Falso Profeta. A fome ser√° resolvida, pois se criar√° um sistema de distribui√ß√£o de alimentos, tipo o "programa bolsa fam√≠lia" aplicado no Brasil.

Com a solução aparente dos problemas da humanidade, o Executivo Mundial será aclamado por todos os povos e proclamará Jerusalém como sua capital, exigindo ainda a adoração de todas as pessoas, sendo que receberá essa adoração.

Mas, somente um povo na terra se recusar√° a ador√°-lo e a receber a sua marca. Trata-se da IGREJA DE CRISTO, composta dos verdadeiros crist√£os e dos judeus messi√Ęnicos, agora crist√£os tamb√©m.

Contra estes, o Anticristo descarregar√° a sua f√ļria, que se manifestar√° na Grande Tribula√ß√£o dos crist√£os

(ESC√āNDALOS, TRAI√á√ēES, FALSOS PROFETAS E O ESFRIAMENTO DO AMOR POR CRISTO E PELO PR√ďXIMO)

Mt 24:10-13 - "Nesse tempo muitos ser√£o escandalizados, e trair-se-√£o uns aos outros, e uns aos outros se aborrecer√£o. E surgir√£o muitos falsos profetas, e enganar√£o a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriar√°. Mas, aquele que perseverar at√© ao fim ser√° salvo."

II Tess 2:3 - "Ningu√©m de maneira alguma vos engane; porque n√£o ser√° assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdi√ß√£o."


Antes e durante a grande tribula√ß√£o dos crist√£os, estar√° ocorrendo um dos sinais preditos por Cristo como indicativo da imin√™ncia do seu retorno. Trata-se da APOSTASIA, que significa "afastamento", ou seja: Pessoas que dizem ser crist√£s, mas que n√£o possuem nada de crist√£s, e ainda ensinam outras pessoas a afastarem-se do verdadeiro caminho.

Hoje, √© moda dizer que √© crist√£o, inclusive, temos total liberdade de culto. Mas durante a grande tribula√ß√£o, n√£o ser√° assim, pois com o aumento da persegui√ß√£o, muitos abandonar√£o a Cristo, e se voltar√£o para o mundo, sendo que enquanto para os crist√£os ser√° momento de ang√ļstia, para o restante ser√° um momento de prosperidade e felicidade, conforme disse Jesus, em Lucas 17:28-30 - "Como tamb√©m da mesma maneira aconteceu nos dias de L√≥: comiam, bebiam, compravam, vendiam, plantavam e edificavam. Mas no dia em que L√≥ saiu de sodoma choveu fogo e enxofre, e os consumiu a todos. Assim ser√° no dia em que o Filho do Homem se h√° de manifestar."

A maldade e o pecado se multiplicar√° muito dentro do pr√≥prio movimento daqueles que se dizem crist√£os (Essa √© a Apostasia). Os pr√≥prios l√≠deres crist√£os ser√£o os primeiros a trairem os demais e a Cristo, e muitos falsos profetas enganar√£o as ovelhas incautas com doutrinas de perdi√ß√£o e ecumenismo. Paulo j√° falava sobre isso a Tim√≥teo, em I Tm 4:1 - "Mas, o Esp√≠rito expressamente diz que nos √ļltimos tempos apostatar√£o alguns da f√©, dando ouvidos a esp√≠ritos enganadores, e a doutrina de dem√īnios.".

Assim, somente permanecer√£o firmes os verdadeiros crist√£os. Inclusive, a palavra "tribula√ß√£o" origina-se do latim tribulum, que era um instrumento utilizado pelos agricultores para separar o joio do trigo. Neste sentido, a palavra encaixa-se perfeitamente, pois na grande tribula√ß√£o ser√° realizada realmente a separa√ß√£o entre os verdadeiros e os falsos crist√£os, e somente "aqueles que perseverarem at√© o fim ser√£o salvos

11¬ļ SINAL - A GRANDE TRIBULA√á√ÉO - PERSEGUI√á√ÉO MUNDIAL AOS VERDADEIROS CRIST√ÉOS


Mt 24:9 - "Ent√£o vos h√£o de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-√£o; e sereis odiados de todas as gentes por causa do meu nome."

Mt 24:21 - "Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tão pouco há de haver."

Ap 7:9 - "Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multid√£o, a qual ningu√©m podia contar, de todas as na√ß√Ķes, e tribos, e povos, e l√≠nguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestidos brancos e com palmas nas suas m√£os:"

Ap 7:13-14 - "E um dos anciãos me falou, dizendo: Estes que estão vestidos de vestidos brancos, quem são, e donde vieram? E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me:Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram os seus vestidos e os branquearam no sangue do Cordeiro."

II Pe 3:17-18 - "Porque melhor é que padeçais fazendo bem (se a vontade de Deus assim o quer), do que fazendo mal. Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito."

II Pe 4:13 - "Mas, alegrai-vos no fato de serdes participantes das afli√ß√Ķes de Cristo; para que tamb√©m na revela√ß√£o da sua gl√≥ria vos regozijeis e alegreis."

I Pe 4:16 - "Mas, se padece como crist√£o, n√£o se envergonhe, antes glorifique a Deus nesta parte."

Ap 2:10 - "Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida."

Após a recusa dos cristãos em receber a marca do Anticristo e adorá-lo, ele os perseguirá e matará a muitos, sendo que uma parte dos servos de Cristo, de forma milagrosa, será protegida por Deus. Esta parte é que passará pelo arrebatamenro sem sofrer a morte.

12¬ļ SINAL - A PREGA√á√ÉO DO EVANGELHO EM TODO O MUNDO

Mt 24:14 - "E este evangelho do reino ser√° pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as gentes, e ent√£o vir√° o fim."

Jesus deixou bem claro que Ele somente voltaria quando o evangelho fosse anunciado em todo o mundo. Este sinal est√° se cumprindo em nosso dias. Com o advento da internet, qualquer pessoa no planeta poder√° conhecer a Cristo.

Mesmo na grande tribula√ß√£o, o evangelho ser√° anunciado, pois o mart√≠rio e a persegui√ß√£o aos crist√£os ser√° not√≠cia em todo o mundo, sendo que todas as pessoas saber√£o que os crist√£os estar√£o sofrendo persegui√ß√Ķes e mortes por amor ao nome de Jesus Cristo.

Assim, o mundo n√£o ter√° desculpas diante de Deus quando do julgamento, e ent√£o.... VIR√Ā O FIM, pois Jesus voltar√°, e:

- ressuscitar√° os mortos

- transformar√° os vivos;


- destruirá o anticristo, o falso profetas e seus exércitos;

- fará o julgamento dos ímpios e dos anjos maus;

- lançará os ímpios e os anjos maus no lago de fogo;

- criará novos céus e nova terra, com a nova Jerusalém, onde os salvos viverão eternamente.


 
13¬ļ SINAL - SER√Ā COMO NOS DIAS DE NO√Č


Mt 24:37-39

“E, como foi nos dias de No√©, assim ser√° tamb√©m a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dil√ļvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, at√© ao dia em que No√© entrou na arca, e n√£o o perceberam, at√© que veio o dil√ļvio, e os levou a todos – assim ser√° tamb√©m a vinda do Filho do homem.”

Gn 6:5

“E viu o Senhor que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra, e que toda a imagina√ß√£o dos pensamentos do seu cora√ß√£o era s√≥ m√° continuamente.”

Gn 6:1

“A terra por√©m estava corrompida diante da face de Deus; e encheu-se a terra de viol√™ncia.”


Quando observamos o padrão moral da sociedade atual, somos forçados a comparar a nossa geração com aquela dos dias de Noé. Inclusive, ao mencionar os sinais que indicariam a proximidade da sua vinda, o Senhor Jesus nos disse que a geração que veria a sua volta seria bem parecida com a dos dias de Noé.

Vejamos algumas semelhan√ßas entre essas gera√ß√Ķes:

1 – Exagero apego aos prazeres humanos: Comer, beber e casar s√£o atividades cotidianas de uma sociedade, mas o que o Senhor condenou foi o ato de levar a vida somente preocupando-se com estas atividades, sem sequer pensar na possibilidade do retorno do Filho do homem. Quando o ser humano s√≥ pensa nas coisas terrenas, ele fica desapercebido da realidade espiritual;

2 – Multiplica√ß√£o da Maldade: O mal em si √© algo que causa uma repulsa natural no ser humano. Mas, quando a pr√°tica do mal torna-se comum e rotineira em uma sociedade, a repulsa desaparece, e o mal passa a multiplicar-se em larga escala, levando o ser humano √† destrui√ß√£o f√≠sica, moral e espiritual;

3 – Pensamentos maus continuamente: Como consequ√™ncia da multiplica√ß√£o do mal, ocorre a deforma√ß√£o moral do ser humano, e o seu cora√ß√£o torna-se mau por completo;

4 – A terra encheu-se de viol√™ncia: Junta-se uma vida apegada somente aos prazeres do mundo, a multiplica√ß√£o da maldade e a corrup√ß√£o total da imagina√ß√£o dos pensamentos humanos, e temos como resultado o A TERRA CHEIA DE VIOL√äNCIA.

CONCLUS√ÉO: Assim como a gera√ß√£o de No√© pereceu pelo dil√ļvio como castigo pela sua maldade, a nossa gera√ß√£o tamb√©m perecer√° por causa da sua perversidade, sendo que agora ser√° atrav√©s do fogo, conforme profetizado pelo Ap√≥stolo Pedro.

14¬ļ SINAL - SER√Ā COMO NOS DIAS DE L√ď

Lc 17:28-29

“Como tamb√©m da mesma maneira aconteceu nos dias de L√≥: comiam, bebiam, compravam, vendiam, plantavam e edificavam; mas no dia em que L√≥ saiu de Sodoma choveu do c√©u fogo e enxofre, e os consumiu a todos.”

Gn 19:5

“E chamaram a L√≥, e disseram-lhe: Onde est√£o os var√Ķes que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a n√≥s, para que os conhe√ßamos.”

Jd 1:7

“Assim como Sodoma e Gomorra, e as cidades circunvizinhas, que, havendo-se corrompido como aqueles, e ido ap√≥s outra carne, foram postas por exemplo, sofrendo a pena do fogo eterno.”

A gera√ß√£o que ver√° o retorno de Jesus Cristo ser√° semelhante √†s gera√ß√Ķes dos dias de No√© e de L√≥. Conforme observamos em g√™nesis, o que caracterizou a sociedade dos dias de L√≥, al√©m de muitos outros pecados, foi a viol√™ncia, pois a b√≠blia diz que a terra se encheu de viol√™ncia, e que as imagina√ß√Ķes (pensamentos) do cora√ß√£o do homem era m√° continuamente.

Agora, vamos nesta postagem analisar outras características da atual sociedade que a identificam como aquela que verá o retorno de Jesus Cristo. São as características da sociedade do tempo de Ló.

Ló era sobrinho do patriarca Abraão, e após separar-se do seu tio, foi habitar na cidade de Sodoma. Apesar de Ló conhecer o Deus de Abraão, ele não tinha intimidade com Ele, pois tomou a decisão errada de ir habitar em uma cidade totalmente depravada.

Quando os pecados de Sodoma chegaram ao limite do suport√°vel por Deus, o Eterno a resolveu destruir, mas teve que retirar L√≥ e sua fam√≠lia, pois este homem, ainda que falho e d√ļbil, temia a Deus e era justo.

Da mesma forma que a sociedade pr√©-diluviana, Sodoma tinha muitos pecados, mas o principal deles, conforme observamos nas escrituras, era o homossexualismo, em todas as suas varia√ß√Ķes. Os habitantes de Sodoma chegaram ao ponto de tentarem estuprar os anjos que foram resgatar L√≥.

N√£o se parece com a sociedade atual? Sim, com certeza. Se olharmos no retrovisor do tempo, voltando uns trinta anos no passado, podemos lembrar o quanto a pr√°tica homossexual era recriminada pela sociedade. Mas, lentamente, as for√ßas do mal se infiltraram nas diversas institui√ß√Ķes do Estado e da sociedade, transformando o homossexualismo em um direito civil, sendo que hoje, qualquer pessoa que se oponha a esta pr√°tica poder√° ser punida pelo Estado.

Esta será apenas mais uma razão pela qual os cristãos serão perseguidos e mortos durante a grande tribulação, pois os princípios de Deus são opostos ás práticas malignas

“Mas os c√©us e a terra que agora existem pela mesma palavra se reservam como tesouro, e se guardam para o fogo, at√© o dia do ju√≠zo, e da perdi√ß√£o dos homens √≠mpios.”


15¬ļ SINAL - GRANDES SINAIS NO C√ČU


Lc 21:11

“E haver√° em v√°rios lugares grandes terremotos, e fomes e pestil√™ncia; haver√° tamb√©m coisas espantosas, e grandes sinais do c√©u.”

A nossa geração tem se acostumado a testemunhar a ocorrência de grandes acontecimentos que não ocorriam antes. Podemos lembrar dos tsunamis e dos grandes terremotos recentes.

Jesus afirma que antes da sua vinda aconteceriam grandes sinais nos céus e coisas espantosas. Mas, que acontecimentos seriam esses? Creio que os grandes sinais nos céus sejam aqueles preditos pelos profetas e pelo próprio Senhor, quanto ao sol, à lua e às estrelas (meteoros):

Mt 24;29

“E, logo depois da afli√ß√£o daqueles dias, o sol escurecer√°, e a lua n√£o dar√° a sua luz, e as estrelas cair√£o do c√©u, e as pot√™ncias dos c√©us ser√£o abaladas.”

Hoje, qualquer pessoa que acompanha as notícias sabe que o sol está passando por turbulências e tem apresentado manchas. Quanto aos meteoros, todo dia, centenas deles atingem a atmosfera da terra e são destruídos, mas estudos apontam que existe uma probabilidade de um grande meteoro atingir a terra no curto prazo. Vejamos estas passagens bíblicas:

Ap 8:8

“E o segundo anjo tocou a trombeta; e foi lan√ßada no mar uma coisa como um grande monte ardendo em fogo, e tornou-se em sangue a ter√ßa parte do mar.”

E;

Ap 8:10

“E o terceiro anjo tocou a sua trombeta, e caiu do c√©u uma grande estrela, ardendo como uma tocha, e caiu sobre a ter√ßa parte dos rios, e sobre as fontes das √°guas.”

CONCLUS√ÉO: Creio que estes sinais ainda n√£o aconteceram em sua plenitude, pois segundo o Senhor, estes fatos acontecer√£o logo depois da grande tribula√ß√£o, e esta ainda n√£o aconteceu, mas est√° bem perto de come√ßar. Todavia, devemos estar em estado de alerta, pois os demais sinais em conjunto nos mostram a proximidade da vinda do Senhor. Estejamos preparados, pois “o que h√° de vir, vir√°, e n√£o tardar√°.

16¬ļ SINAL - COISAS ESPANTOSAS NO C√ČU

“E haver√° em v√°rios lugares grandes terremotos, e fomes e grandes pestil√™ncias; haver√° tamb√©m coisas espantosas, e grandes sinais do c√©u.”
Na parábola da figueira, o Senhor Jesus afirma que a geração que veria a sua volta seria aquela que testemunharia o renascimento da nação de Israel. Como sabemos, este país passou a existir na era moderna, no ano de 1948.
Você já parou para pensar que os sinais preditos por Cristo como indicativos da sua volta passaram a se intensificar a partir do renascimento de Israel? Sim, é verdade, e um destes sinais, é o aparecimento nos céus em vários locais do mundo, dos chamados OVNIS (objetos voadores não identificados), conhecidos popularmente como discos voadores.
Estes aparecimentos de OVNIS t√™m se intensificado nos √ļltimos anos, sendo que boa parte da popula√ß√£o mundial espera que os governos venham a p√ļblico afirmar que n√£o estamos s√≥s no universo.
E, conforme afirmou o Senhor Jesus, estes aparecimentos têm causado espanto nos céus, ao ponto de muitos que se diziam cristãos, terem abandonado a fé, tornando-se adeptos da ufologia.
Mas, que ningu√©m nos engane, pois sabemos que estes aparecimentos s√£o armadilhas do nosso inimigo com o objetivo de causar p√Ęnico e fazer com que milh√Ķes de pessoas neguem o sacrif√≠cio de Jesus na cruz, conforme diz o Ap√≥stolo Paulo em II Tess 2:9-11;
A esse cuja vinda √© segundo a efic√°cia de Satan√°s, com todo o poder, e sinais e prod√≠gios de mentira, e com todo o engano da injusti√ßa para os que perecem, porque n√£o receberam o amor da verdade para se salvarem. E por isso Deus lhes enviar√° a opera√ß√£o do erro, para que creiam a mentira;”
CONCLUS√ÉO: Os Ovnis ser√£o muito √ļteis para o Anticristo, pois o mesmo usar√° a desculpa de que a humanidade precisa se unir para poder resistir aos ataques extraterrestres, e assim conseguir√° implementar A SUA DITADURA MUNDIAL E A PERSEGUI√á√ÉO AOS CRIST√ÉOS.

17¬ļ SINAL - A UTILIZA√á√ÉO DA IGREJA COMO UM NEG√ďCIO LUCRATIVO
II Pe 2:1-3
“E tamb√©m houve entre o povo falsos profetas, como tamb√©m entre v√≥s haver√° tamb√©m falsos doutores, que introduzir√£o encobertamente heresias de perdi√ß√£o, e negar√£o o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmo repentina destrui√ß√£o. E muitos seguir√£o as suas dissolu√ß√Ķes, pelos quais ser√° blasfemado o caminho da verdade. E por avareza far√£o de v√≥s neg√≥cio com palavras fingidas; sobre os quais j√° de largo tempo n√£o ser√° tardia a senten√ßa, e a sua perdi√ß√£o n√£o dormita.”
Mt 21:12
“E entrou Jesus no templo de Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas.”
A Bíblia Sagrada é enfática ao afirmar que nos tempos finais apareceriam falsos profetas e falsos pastores que envergonhariam o evangelho de Cristo, fazendo deste um grande e lucrativo negócio.
√Č bem verdade que durante toda a hist√≥ria do cristianismo, esse fen√īmeno sempre existiu, ora como maior, ora com menor intensidade.
Mas, nas √ļltimas d√©cadas, temos contemplado estarrecidos o que se passa no meio que se diz crist√£o. N√£o h√° igreja ou denomina√ß√£o que escape, pois este mal j√° contaminou a todas.
Pastores que outrora viviam uma vida modesta cuidando do rebanho, hoje moram em mans√Ķes, andam em carr√Ķes ou avi√Ķes, possuem seguran√ßas armados para lhes protegerem, s√£o pol√≠ticos, e em alguns casos est√£o entre os homens mais ricos. Bem diferente daquele Grande Pastor que n√£o tinha onde repousar a cabe√ßa.
Existem pastores que numeram os membros das suas igrejas como um grande fazendeiro ao numerar o seu gado. Quando chega o per√≠odo das elei√ß√Ķes pol√≠ticas, estes pastores “vendem” os votos de suas ovelhas aos √≠mpios, e ganham grande recompensa financeira.
Mas o Senhor não dormita. Ele voltará e fará justiça! Que possamos observar este como mais um sinal que indica que a nossa geração verá a volta do Senhor.
18¬ļ SINAL - AS ADULTERA√á√ēES NO LIVRO SAGRADO
Ap 22:19
“E, se algu√©m tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirar√° a sua parte na √°rvore da vida, e da cidade santa, que est√£o escritos neste livro.”
I Jo 2:22
“Quem √© o mentiroso, sen√£o aquele que nega que Jesus √© o Cristo? √Č o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho.”
Outro sinal que indica que a atual gera√ß√£o ser√° aquela descrita na b√≠blia como a que ver√° o retorno de Cristo, √© a ocorr√™ncia de sutis altera√ß√Ķes que nas tradu√ß√Ķes da B√≠blia Sagrada.
O ap√≥stolo Jo√£o afirma que a principal caracter√≠stica do anticristo √© que ele vai negar a divindade do Senhor Jesus. Mas, como fazer os crentes se desviarem dos ensinamentos de Cristo sem que eles notem? A resposta √© justamente esta: alterar o que est√° escrito na B√≠blia, mas de maneira sutil.
Nos √ļltimos anos temos observado uma avalanche de tradu√ß√Ķes da B√≠blia, cada uma dando √™nfase a um ponto de vista. Temos a B√≠blia da vit√≥ria financeira, a B√≠blia pentencostal, a B√≠blia da ora√ß√£o, e tantas outras, culminando com a pior tradu√ß√£o, a b√≠blia NVI – Nova vers√£o Internacional, que al√©m de possuir grandes deturpa√ß√Ķes dos textos sagrados, foi criada por uma equipe de “s√°bios” composta por algumas pessoas assumidamente homossexuais.
As principais deturpa√ß√Ķes desta tradu√ß√£o s√£o:
1 – No lugar de “Senhor Jesus”, eles escreveram “Jesus” – ataque ao senhorio de Cristo;
2 – No lugar de “Jesus Cristo”, eles deixaram somente “Jesus” – ataque √† divindade de Cristo;
3 – No lugar de “homens”, eles escreveram pessoas;
4 – No lugar de “sodomitas”, eles escreveram “escandalosos”, para descaracterizar o homossexualismo;
5 – E muitas outras.
Este é mais um sinal de que a volta de Jesus se aproxima. Em muitas igrejas, pessoas sinceras já estão levando debaixo do braço outra bíblia, que não a verdadeira
19¬ļ SINAL – A MULTIPLICA√á√ÉO DA CI√äNCIA
Dn 12:4
“E tu Daniel, fecha estas palavras e sela este livro, at√© ao fim do tempo: muitos correr√£o de uma parte para outra, e a ci√™ncia se multiplicar√°.
Mais um sinal que evidencia que a atual geração verá a volta do Senhor Jesus, é a multiplicação da ciência. Há mais ou menos um século, tínhamos no mundo um cenário totalmente diferente do que temos hoje.
O homem andava a cavalo, não havia telefone, televisão, nem internet. Sem contar a medicina, que ainda evoluia. A ciência vinha progredindo, mas a pequenos passos, sendo que podemos dizer que ocorria uma progressão aritmética (o conhecimento anterior somava-se ao conhecimento produzido).
Mas, de repente, tudo começou mudar. Apareceram o carro, o telefone, o avião, a internet e a medicina evoluiu. O conhecimento não mais passou a progredir de forma aritmética, mas sim de forma geométrica, com uma subsequente alteração radical do ambiente.
Hoje, o homem gaba-se de grandes coisas e já pensa em colonizar a lua e marte. Mas aqui mesmo na Terra, a fome, as doenças e a desarmonia entre os seres humanos, só aumentam. Tudo isso confirma o que as escrituras já diziam:
II Tim 3:2-4
“Porque haver√° homens amantes de si mesmos, avarentos, presun√ßosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e m√£es, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconcili√°veis, caluniadores, incontinentes, cru√©is, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus.”
Este é o estado dessa geração: progresso material e retrocesso espiritual
20¬ļ SINAL – A NEGA√á√ÉO DA DIVINDADE DE JESUS E OS ATAQUES √Ä SUA PESSOA
I Jo 2:22
“Quem √© o mentiroso, sen√£o aquele que nega que Jesus √© o Cristo? √Č o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho.”
Outra caracter√≠stica que tem ocorrido ultimamente com mais intensidade na nossa gera√ß√£o, √© o ataque √† divindade de Jesus. Sabemos que o mundo pol√≠tico, social e at√© mesmo religioso n√£o √© obrigado a aceitar a pessoa de Jesus como as escrituras mostram. Essa aceita√ß√£o √© particularmente objeto de reconhecimento pelos disc√≠pulos de Jesus, ou seja, aqueles que se declaram crist√£os e seguem os ensinamentos do Mestre.
Contudo, o que temos observado, principalmente nos √ļltimos anos, ap√≥s a expans√£o das m√≠dias de massa como a televis√£o e a internet, √© um intenso ataque contra a pessoa de Jesus, de forma a tentar ao m√°ximo desacreditar o car√°ter de Cristo junto √†s pessoas.
Cada dia aparece algo novo, dos ditos “cientistas” ou “arque√≥logos”, com teorias e informa√ß√Ķes que tentam mostrar Jesus ou como um mito ou como mais um ser humano qualquer que passou por este mundo.
O cristão, que se orienta pela Bíblia Sagrada deve levar em conta mais este sinal e entender que os tempos que ora vivemos são aqueles descritos por Jesus Cristo como aqueles que antecederiam a sua gloriosa volta.
A Bíblia afirma que a salvação do ser humano está ligada intimamente ao ato de crer, e que esse ato depende unicamente do indivíduo. Assim, para os que se salvam, Jesus é o Rei, O Messias, a Luz e a razão da existência. Mas para os que se perdem, apenas um homem comum, pois os olhos destes foram cegados pelo deus deste século, para que a luz de Cristo não resplandeça, e isto é o que tem acontecido com a atual geração
21¬ļ SINAL - O APARECIMENTO DO EVANGELHO DA PROSPERIDADE
Ap 3:14-17
“Eu sei as tuas obras, que nem √©s frio nem quente: oxal√° foras frio ou quente! Assim, porque √©s morno, e n√£o √©s frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e n√£o sabes que √©s um desgra√ßado, e miser√°vel, e pobre, e cego, e nu;”
Fp 1;29
“Porque a v√≥s foi concedido, em rela√ß√£o a Cristo, n√£o somente crer nele, como tamb√©m padecer por ele.”
Fp 4:12
“Sei estar abatido, e sei tamb√©m ter abund√Ęncia; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instru√≠do, tanto a ter fartura, como a ter fome, tanto a ter abund√Ęncia como a padecer necessidade.”
I Tim 6:7-10
“Porque nada trouxemos para este mundo, e manifesto √© que nada podemos levar dele. Tendo, por√©m, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes. Mas os que querem ser ricos caem em tenta√ß√£o e em la√ßo, e em muitas concupisc√™ncias loucas e nocivas, porque submergem os homens na perdi√ß√£o e ru√≠na. Porque o amor ao dinheiro √© a raiz de toda a esp√©cie de males; e nessa cobi√ßa alguns se desviaram da f√©, e se transpassaram a si mesmos com muitas dores.”
Um dos sinais que mostram a imin√™ncia do retorno de Cristo √© a apostasia no meio dos que se dizem crist√£os, e umas das facetas desse afastamento √© justamente o aparecimento do famigerado evangelho da prosperidade. A igreja pobre que tinha como √ļnica riqueza a Cristo, passa agora a querer ser rica, e utiliza esse mesmo Cristo apenas como uma alavanca para conseguir obter a riqueza do mundo material.
Como consequências da igreja tornar-se rica, temos que ela também se transforma em morna. E, o que é uma igreja morna? Para responder a esta pergunta, precisamos primeiramente saber o que é ser frio e quente.
O ser humano frio é o ignorante quanto às coisas espirituais, e vive segundo o curso do mundo, praticando a iniquidade. O quente é o vigilante e conhecedor das coisas espirituais, e que pratica o evangelho;
E, por fim, o morno, é aquele que embora conhecendo as coisas espirituais, vive em conformidade com o mundo, sendo que este é o pior de todos, que Jesus abomina e está a ponto de vomitá-lo de sua boca.
E não é este justamente o quadro que temos visto hoje? Qual é a igreja que prega o desapego às coisas materiais? Qual é a igreja que prega que ao cristão está reservado o sofrimento e a perseguição nesta vida?
Conforme est√° escrito em filipenses, quanto a Cristo, nos est√° reservado n√£o somente cr√™ nele, mas tamb√©m, padecer por ele. E, por falar em padecer, √© bom lembrar que A GRANDE TRIBULA√á√ÉO est√° √†s portas, e n√≥s crist√£os, haveremos de sofrer por causa do nome de Jesus neste tempo de trevas que vir√°.