quarta-feira, 16 de maio de 2018

O Homem Que Perdeu Um Encontro Importante

Leitura: João 20:19-31
Texto: João 20:24

Introdução: A história de nossa leitura bíblica ilustra muito claramente o que um discípulo do Senhor em qualquer era pode perder ao se ausentar da casa do Senhor por apenas um culto. Em nossa sociedade moderna, com tantos afazeres e compromissos a cumprir, com tantas pressões de muitos lados diferentes, parece tão fácil faltar um culto ou uma série de cultos, pensando que o efeito não será adverso a nossa vida espiritual, e que com facilidade poderemos repor o perdido futuramente. Experiência vista após os anos nos ensina que é diferente, bem diferente, e que muitas vezes a indiferença traz consequências totalmente desastrosas, até a perda da alma e a vida eterna.
Tomé, o homem que perdeu um encontro muito importante. Não sabemos a razão por  que ele não estava presente. Entendemos porque alguns se ausentam da casa do Senhor e os cultos, pois é difícil saber se Jesus está presente ou não. Pelo menos Ele não é reconhecido ou permitido a manifestar Si Mesmo aos congregantes. Mas na história que consideramos hoje, foi bem diferente, uma bem aventurança inesperada. Jesus apareceu, falou aos seus discípulos, os abençoou, e os comissionou.
Veja a seguir tudo que Tomé perdeu por faltar e não estar presente neste encontro:
I.                  Tomé Perdeu A Doce Comunhão Com O Mestre E Com Os Demais Discípulos.
A.   “...estando os discípulos reunidos...” (João 20:19)
1.     A igreja oferece comunhão.
2.     A igreja oferece conforto e consolação.
3.     A igreja oferece inspiração.
B.   Apesar do seu medo, os discípulos estavam reunidos.
II.               Tomé Perdeu Uma Oportunidade De Ver Jesus.
A.   “...chegou Jesus,pôs-se no meio...” (João 20:19)
1.     É maravilhoso quando Jesus aparece na igreja.
2.     Devemos ser fiéis aos cultos, pois não sabemos quando Ele fará uma visita especial.
3.     Não temos como adivinhar quando Jesus fará outra visita igual.
4.     Quer que Jesus faça a visita para sua igreja e não encontrar você? Como poderia explicar isto? Jesus aceitaria suas escusas? Não esquece que Ele sonda e conhece os corações.
III.           Tomé Perdeu a Bênção de Paz.
A.   “Paz seja convosco.” (João 20:19 e 21)
1.     Há sempre uma perda para o nosso homem espiritual quando nós nos ausentamos da comunhão dos outros membros do corpo de Cristo.
IV.           Tomé Perdeu A Revelação Do Corpo Ressurreto de Jesus Cristo.
A.   “...mostrou-lhes as mãos e o lado.” (João 20:20)
1.     Como é normalmente o caso, Tomé perdeu a ocasião de ver exatamente o que precisava ver para fortalecer sua fé.
V.               Tomé Perdeu O Pronunciamento Da Grande Comissão.
A.   “...assim como o Pai me enviou, também eu vos envio a vós.”
1.     Este evento nunca pôde ser refeito. Quem sabe que isto seja a razão por que não ouvimos quase nada acerca de Tomé mais tarde.
VI.           Tomé Perdeu A Oportunidade De  Ter Sua Fé Fortalecida.
A.   “Diziam-lhe, pois, os outros discípulos: Vimos o Senhor. Ele, porém, lhes respondeu: Se eu não ver o sinal dos cravos nas suas mãos, e não meter o dedo no lugar dos cravos, e não meter a mão no seu lado, de maneira nenhum crerei.” (João 20:25)
VII.        Tomé Perdeu O Assopro Do Espírito Santo. (João 20:22)
A.   “E havendo dito isto, assoprou sobre ele e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo...” (João 20:22)
Conclusão: Tomé perdeu um encontro sobrenatural e manifestação do Senhor Jesus Cristo ressurreto. Aqueles que perdem por qualquer razão o que Deus reservou para eles, quase nunca jamais podem recobrar o perdido.

Nota do autor:
Experiências com a que segue entristecem profundamente o coração de qualquer um que é pastor de verdade. Que a história verídica que segue lhe encoraje a ser mais e mais fiel a Deus, pois a vinda do Senhor se aproxima rapidamente: Após um culto de domingo de noite, chegou para mim uma senhora da igreja que me informou que estava passando por algumas dificuldades na sua vida e que por isso iria se ausentar dos cultos por algumas semanas. Eu me apavorei com esta declaração e a roguei que não fizesse isto, pois era espiritualmente perigosa e que a melhor maneira para vencer os problemas seria de estar na igreja com seus companheiros de fé. falei com o Pastor da Igreja para convencê-la que na igreja haveria a força para vencer, haveria o encorajamento preciso, a oração uníssona de pessoas vitoriosas, a pregação animadora da Palavra de Deus, entre muitas outras vantagens. Mas, infelizmente não acatou as palavras de um Irmão que procurou zelar por sua alma, e teimosamente começou se ausentar da igreja. Hoje, faz alguns anos desde que aconteceu este triste incidente, e até hoje ela não retornou para louvar e adorar a Deus no seu santuário. Hoje, sua família está sendo criada fora da igreja, longe de Deus, e sem dúvida alguma os problemas de hoje são bem maiores do que os pequeninhos que levou esta senhora ausentar-se da casa de Deus. Não deixe nada neste mundo lhe afastar da comunhão da igreja, dos irmãos, da Palavra de Deus, da comunhão com Deus e as demais coisas que Deus quer operar milagrosamente na sua vida!
Convido vocês hoje para chegar até este altar onde podem consagrar novamente suas vidas ao Senhor e O prometer a sua fidelidade em tudo que Ele quer e exige, inclusive a sua fiel assistência e participação em todos os trabalhos da igreja. Sua alma merece isto. Faça por amor da sua alma.
Reflexão para uma vida espiritual na presença de Deus pela palavra de Jesus, em que não devemos perder nada que sai de sua boca, qual a diferença de está presente e não está quando Ele se manifesta aos servos?


Nenhum comentário:

Postagem em destaque