terça-feira, 30 de novembro de 2021

25° Edição do REINO Tema hoje Maneiras de Falar Provérbios 18-21 Falar em línguas é um dos dons do Espírito Santo. Esse dom foi dado aos discípulos de Jesus no dia de Pentecoste, quando falaram em línguas que não conheciam. Várias outros convertidos receberam depois o dom de falar em línguas. Falar em línguas não é inventar sons sem sentido. Toda língua tem sentido e o dom de falar em línguas serve para orar no Espírito. Quando há alguém que tem o dom de interpretar línguas, isso pode servir para edificar a igreja. Mas atenção! Falar em línguas não torna ninguém "mais espiritual". Deus tem muitos outros dons para dar, que ele distribui como quer. Quem fala em línguas deve ser humilde e respeitar a ordem no culto. Falar em Línguas na Bíblia Quando Paulo lhes impôs as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo, e começaram a falar em línguas e a profetizar. Atos dos Apóstolos 19:6 Estes sinais acompanharão os que crerem: em meu nome expulsarão demônios; falarão novas línguas; pegarão em serpentes; e, se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal nenhum; imporão as mãos sobre os doentes, e estes ficarão curados". Marcos 16:17-18 Havia em Jerusalém judeus, devotos a Deus, vindos de todas as nações do mundo. Ouvindo-se o som, ajuntou-se uma multidão que ficou perplexa, pois cada um os ouvia falar em sua própria língua. Atônitos e maravilhados, eles perguntavam: "Acaso não são galileus todos estes homens que estão falando? Então, como os ouvimos, cada um de nós, em nossa própria língua materna? Atos dos Apóstolos 2:5-8

Provérbios de Salomão: Maneira de falar Os insensatos, os escarnecedores e os sábios são conhecidos pelas suas maneiras de falar. A fala revela caráter e indica o futuro. O coração é conhecido se prestar atenção o que a pessoa fala. As palavras comprovam a honestidade ou a falsidade; elas transmitem saúde ou dor aos outros; elas cortam ou curam; fazem com que reis se tornam seus amigos ou que seus inferiores o rejeitem. Salomão tinha muito a dizer a respeito do que você fala e como você deve fazer isto! Provérbios 18:21 “A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto.” Sua língua tem o poder de vida ou de morte! A sua maneira de falar pode promovê-lo ou destruí-lo. Muitos arruinaram as suas vidas por causa de bocas desgovernadas. Outros têm sido exaltados pelas palavras bondosas e sábias. A sua maneira de falar trará as bênçãos ou as maldições de Deus e dos homens. Provérbios 10:19 “Na multidão de palavras não falta transgressão, mas o que modera os seus lábios é prudente.” Quanto mais você fala, mais você peca! As palavras podem nos deixar em situação difícil; portanto, profira poucas. Uma regra simples é a de reduzir as suas palavras pela metade! O silêncio vale ouro num contexto como este. Se for preciso você falar muito, prepare-se bem com antecedência e reflita sobriamente depois. Provérbios 26:4 “Não respondas ao tolo segundo a sua estultícia, para que também te não faças semelhante a ele.” Não responda a um tolo para não se colocar inferior a ele. Responda a um tolo para que ele não pense que está certo. É errado discutir com ele. Eles não merecem o conhecimento ou a verdade; a sabedoria é preciosa demais para desperdiçar com eles. A sabedoria cohece o equilíbrio. Provérbios 10:32 “Os lábios do justo sabem o que agrada, mas a boca dos ímpios anda cheia de perversidades.” Perdeu a oportunidade de ficar calado! Você já ouviu estas palavras repreendedoras? Os homens justos são discretos no falar e dizem coisas aceitáveis. Homens ímpios falam tolices e destruições. Você conhece a diferença? Os outros concordam? Provérbios 15:28 “O coração do justo medita o que há de responder, mas a boca dos ímpios derrama em abundância coisas más.” Você considera com atenção antes de responder? Ou você dispara com a primeira coisa que vem à sua mente quando perguntado? Se confrontado com um assunto que você não conhece bem, uma resposta segura seria pedir tempo para analisar. Isto é sabedoria! Você tem isto? Provérbios 26:28 “A língua falsa aborrece aquele a quem ela tem maravilhado, e a boca lisonjeira opera a ruína.” As mentiras revelam ódio! Bajulação leva à ruína. A maioria pensa que mentiras são crimes sem vítimas. A maioria acredita que a bajular é demonstrar bondade. Mas Salomão viu a destruição das duas coisas, e inspirado por Deus ele condena as duas práticas. Provérbios 11:13 “O que anda praguejando descobre o segredo, mas o fiel de espírito encobre o negócio.” Você nunca calunia, mentindo para ferir a reputação de uma pessoa? Que bom! Mas fofocar, que é contar uma verdade a respeito de uma pessoa, para outra que não precisaria saber, é tão doloroso quanto pecaminoso. Deus odeia este perverso crime. E você? Provérbios 22:11 “O que ama a pureza do coração e é grácil no falar terá por amigo o rei.” Um provérbio glorioso! O rei demonstrará a sua amizade com palavras agradáveis! Salomão tinha visto isto na vida do seu pai Davi e de Jônatas. Mas a sua inspirada sabedoria revela o segredo de que forma isto é feito. Um coração puro que governa sua boca! Provérbios 15:1 “A resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira.” Aquelas são palavras de briga! Em qualquer confronto, as suas palavras podem por fim a uma disputa ou escaloná-la. Qual será a sua escolha? A sabedoria aprende como acalmar uma pessoa raivosa. Sucesso relacional depende em acalmar a ira dos outros, especialmente a de superiores. Provérbios 29:20 “Tens visto um homem precipitado nas suas palavras? Maior esperança há de um tolo do que dele.” Uma resposta rápida não prova conhecimento ou sabedoria. A pressa é a inimiga da perfeição, mesmo quando se trata de falar. Vai mais devagar! Pense primeiro! Certifique-se de que você conhece o assunto antes de falar. Uma pessoa de fala rápida e reponde pergunta prontamente, é pior do que um tolo! Provérbios 13:3 “O que guarda a boca conserva a sua alma, mas o que muito abre os lábios a si mesmo se arruína.” Sua vida está na sua boca! Se você controla a sua maneira de falar, você será próspero e bem sucedido. Se você abre a sua, sempre que você sente vontade, você será destruído. Como? Em seu casamento, em sua profissão e em todas as áreas da vida. Provérbios 21:23 “O que guarda a boca e a língua guarda das angústias a sua alma.” Palavras colocam a maioria das pessoas em dificuldades. Se você pode escolher e medir cuidadosamente a maneira de falar, você pode evitar muita dor durante a vida. Você tem falado e observado como as palavras causam problemas, exatamente como Salomão. Mas ele tinha a resposta para isto! Provérbios 31:26 “Abre a boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua.” A boca de uma mulher tem um grande potencial para o bem e para o mal. Uma mulher virtuosa sempre fala com sabedoria, e uma regra de bondade governa as suas palavras. Mas a maioria das mulheres destrói a tranquilidade da vida com o seu cacarejar, sua crítica, sua insensata disputa. Provérbios 12:18 “Há alguns cujas palavras são como pontas de espada, mas a língua dos sábios é saúde.” As suas palavras deixam os outros sangrando ou desenvolvendo? Se você é mordaz, crítico ou sarcástico, os outros estão sangrando e tentando lhe evitar. Se você é gentil, agradável e bondoso, eles estão crescendo e procurando você com frequência.


 

sexta-feira, 26 de novembro de 2021

O amor é a força mais poderosa do mundo. É o elo que liga pessoas umas com as outras e com Deus. O verdadeiro amor não depende de quem recebe amor. A pessoa que ama decide amar porque quer amar. O amor é uma decisão poderosa. Não existe um amor igual ao amor de Deus, porque só esse amor, através de Jesus, pode transformar as nossas vidas e nos completar. Deus é amor. Seu amor serve de exemplo. Nós devemos amar os outros de forma incondicional, como Deus nos ama. O que diz Bíblia sobre Amor O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. 1 Coríntios 13:4-7



 

23° Edição do REINO hoje tema Amigo Provérbios 17-17 Os amigos são uma grande influência na vida de cada pessoa. Um bom amigo ajuda e apoia nos momentos difíceis mas também sabe repreender com amor quando é preciso. Um bom amigo é uma bênção! Mas também existe amigo que é má influência e que só age como amigo por interesse. A Bíblia diz que Jesus é nosso grande amigo. Ele é um amigo tão bom que até deu sua vida por nós! A amizade com Deus é a melhor amizade que existe. Amigo na Bíblia O amigo ama em todos os momentos; é um irmão na adversidade. Provérbios 17:17 https://www.youtube.com/watch?v=2FoLg8AakLI

quinta-feira, 25 de novembro de 2021

22° Edição do REINO hoje tema porque sou Crente Salmos 23-1 Parecido com Meu Pastor Caráter e Personalidade Definições de caráter do dicionário Aurélio e da Wikipédia: Caráter é o termo que designa o aspecto da personalidade responsável pela forma habitual e constante de agir peculiar a cada indivíduo; esta qualidade é inerente somente a uma pessoa, pois é o conjunto dos traços particulares, o modo de ser desta; sua índole, sua natureza e temperamento. Caráter é o conjunto das qualidades, boas ou más, de um indivíduo lhe determinam a conduta e a concepção moral; seu gênio, humor, temperamento, este, sendo resultado de progressiva adaptação constitucional do sujeito às condições ambientais, familiares, pedagógicas e sociais. Caráter é a qualidade inerente a uma pessoa; o que a distingue de outra pessoa. Traços psicológicos, o modo de ser, de agir de uma pessoa; Índole. A verdade em que você acredita determina seu caráter. Define-se a personalidade como tudo aquilo que distingue um indivíduo de outros indivíduos, ou seja, o conjunto de características psicológicas que determinam a sua individualidade pessoal e social. A formação da personalidade é processo gradual, complexo e único a cada indivíduo. O termo deriva do grego persona, com significado de máscara, designava a “personagem” representada pelos atores teatrais no palco. O termo é também sinônimo de celebridade. Pode-se definir também personalidade por um conceito dinâmico que descreve o crescimento e o desenvolvimento de todo sistema psicológico de um indivíduo, outra definição seria: a organização dinâmica interna daqueles sistemas psicológicos do indivíduo que determinam o seu ajuste individual ao ambiente. Mais claramente, pode-se dizer que é a soma total de como o indivíduo interage e reage em relação aos demais. Até aqui as definições encontradas na Internet. Tanto o caráter quanto a personalidade por fazerem parte inerente do ser, não constam como palavras separadas no texto bíblico, tanto no original hebraico do VT, quando no grego do NT. Assim, deve ser visto de modo subentendido quando os traços de caráter e personalidade são citados na Bíblia. Por exemplo; em Provérbios 16.27-29, onde se lê: 27 O homem vil suscita o mal; e nos seus lábios há como que um fogo ardente. 28 O homem perverso espalha contendas; e o difamador separa amigos íntimos. 29 O homem violento alicia o seu vizinho, e guia-o por um caminho que não é bom. Podemos ler: 27 O homem de caráter vil suscita o mal…. 28 O homem de caráter perverso espalha contendas… 29 O homem de caráter violento alicia o seu vizinho… Em Isaías 32.7, onde se lê: 7 Também as maquinações do fraudulento são más; ele maquina invenções malignas para destruir os mansos com palavras falsas, mesmo quando o pobre fala o que é reto. Podemos ler: 7 Também as maquinações do homem de caráter fraudulento são más… Em Atos 2.22, onde lemos: 22 Varões israelitas, escutai estas palavras: A Jesus, o nazareno, varão aprovado por Deus entre vós com milagres, prodígios e sinais, que Deus por ele fez no meio de vós, como vós mesmos bem sabeis; Podemos ler: 22 Varões israelitas, escutai estas palavras: A Jesus, o nazareno, varão de caráter aprovado por Deus… Em Filipenses 2.22, onde lemos: 22 Mas sabeis que provas deu ele de si; que, como filho ao pai, serviu comigo a favor do evangelho. Podemos ler: 22 Mas sabeis que provas deu ele de seu caráter… Em 2 Timóteo 2.15, onde lemos: 15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. Podemos ler 15 Procura apresentar-te diante de Deus com caráter aprovado… Vemos assim que tanto traços viciosos, quanto virtuosos podem compor o caráter de uma pessoa, e tanto mais puro e bom é o caráter quanto maior é o número de virtudes que se possui, e um comportamento que seja condizente com as referidas virtudes. Não basta portanto crer num sistema de valores e aprová-lo, pois o caráter não é determinado somente pelo que se crê e se aprova, mas sobretudo pela prática de nossas crenças, estando nossa personalidade moldada e definida pelas mesmas. A bem-aventurança, conforme podemos ver nas palavras de Jesus no Sermão do Monte, não depende das circunstâncias da vida de uma pessoa, mas dos traços do seu caráter conforme são destacados por ele especialmente no começo do quinto capítulo do evangelho de Mateus. Este caráter é definido como um estado interno de ser. Esse caráter cristão deve ser formado na própria estrutura da natureza moral. Todas as formas de comportamento que Jesus destacou no Sermão do Monte revelam que o caráter deve ser forjado na estrutura da natureza moral – não de uma moralidade formal e externa, mas interna, vital e espiritual. É a posse de tal tipo de caráter que vai determinar que nossas ações sejam feitas com base em motivos corretos. O caráter aprovado é portanto um dom de Deus, concedido àqueles que se se consagram a Ele e ao Seu serviço, àqueles que buscam com toda a diligência conhecer e fazer a Sua vontade. E como tudo o mais que cresce no Reino de Deus, o caráter cristão também se tornará cada vez mais puro e forte, à medida que fizermos progresso em santificação pela Palavra aplicada pelo Espírito Santo às nossas vidas. Mas isto não é possível sem consagração. A consagração é um ato da vontade de trazer nossas faculdades, especialmente da alma e do espírito, sob a influência de um santo propósito. Ela consiste sobretudo em nos submetermos à instrução, direção e poder do Espírito Santo. O refino da fé pelas provações também é outro fator importante na formação do caráter cristão, porque o homem de coração dobre nada obterá do Senhor, de modo que aquele que confia no Senhor há de receber dele um caráter firme e inabalável que o manterá fiel à Sua Palavra em todas as circunstâncias. O crente deve ter como o propósito supremo de sua vida, a obtenção de tal caráter. Para isto deverá se esforçar, buscar e orar sem cessar. É do agrado de Deus formar em nós progressivamente o caráter de Cristo, mas ele determinou que isto deve ser buscado com toda a diligência, e para tanto devemos pedir-lhe que o forje em nós. O caráter se comprovará bom e forte à medida que resista às provações e tentações, ou seja, sem sombra de variação em nosso comportamento quando a elas submetidos. Muito do nosso caráter e personalidade é fortemente impactado e reorientado quando nos convertemos a Cristo e nascemos de novo do Espírito Santo. Todavia, há de se completar, pelo mesmo processo de operação sobrenatural do Espírito, o trabalho do aperfeiçoamento da nossa personalidade e caráter, pela remoção progressiva dos hábitos e comportamentos inerentes ao velho modo de vida, e pela implantação também progressiva das virtudes de Cristo. Convicções arraigadas, e ainda que coerentemente determinantes no nosso modo de proceder, e que nos tenham conferido um caráter firme, deverão ser desarraigadas caso não se conformem ao padrão bíblico e divino. Veja que o caráter cristão não é própria e necessariamente o tipo de caráter que é aplaudido pelo mundo, pelo simples fato de alguém ser firme e coerente com suas convicções, ainda que aparentemente boas. Este era o caso típico dos fariseus dos dias de Jesus, que eram considerados como pessoas santas pela sociedade judaica de um modo geral, pela forma determinada com que defendiam suas tradições religiosas, e, no entanto, Jesus os denunciou como sendo hipócritas e adulteradores da Palavra de Deus. Eles não praticavam as coisas que eles ensinavam. Os fariseus não podiam dar uma resposta favorável à demanda religiosa verdadeira porque não criam em Cristo – não tinham, por conseguinte, a habitação, direção e instrução do Espírito Santo, e estando mortos espiritualmente não podiam refletir a vida e o vigor da verdadeira espiritualidade. O caráter do crente não é formado por um mero esforço unilateral da sua parte, mas sobretudo pela infusão de poder que recebe do Espírito Santo que nele opera implantando a lei de Deus em sua mente e coração (Jeremias 31.33). Assim, o grande ponto de partida para a formação do caráter cristão se encontra na regeneração, ou seja, no novo nascimento pelo Espírito Santo. O caráter cristão é determinado portanto pela constância em se andar no Espírito (Gálatas 5.16) de modo que se tenha a mente e o caráter de Cristo. Este caráter não se encontra propriamente em nós – ele é recebido e moldado a partir do céu – daí o apóstolo afirmar que já não vive mais o crente pelo seu ego, mas por Cristo que nele vive. É de Deus que se recebe o aprendizado de se ter firmeza na verdade em face de oposições, sejam elas de qual natureza for. É dele que recebe o desapego ao mundo e à própria vida, e a não temer a face do homem quando importa obedecer à Sua vontade. Isto não nos vem da noite para o dia, mas na longa jornada da vida cristã, crescendo em estatura espiritual diante de Deus e dos homens. Mas como vivemos em dias em que é comum a busca do prazer pelo prazer, conforme afirmação do apóstolo que nos últimos dias os homens seriam mais amantes dos prazeres do que de Deus, quando a filosofia reinante na sociedade é de caráter hedonista, devemos lembrar continuamente das palavras de nosso Senhor de que aquele que não renunciar a tudo o que tem, inclusive à sua própria vida, não pode ser seu discípulo, ou seja, não poderá aprender dele o que convém. O alvo da vida cristã não é proporcionar prazer, não é o de aumentar nossos níveis de serotonina e dopamina, para que tenhamos a sensação de bem-estar, pois isto pode ou não estar presente em nossas vidas, nos combates que temos que travar contra a carne, o diabo e o fascínio do mundo. Um crente pode ser melancólico, como era David Brainerd, e tantos outros, e no entanto, sustentar um caráter santo e justo admirável. Veja que nas bem-aventuranças Jesus destaca como motivo de grande regozijo espiritual o fato de sofrermos perseguições por amor do Seu nome. Ele afirma que bem-aventurado é o que chora, e certamente o choro ali referido não é o de alegria, mas o de contrição pelo pecado e de arrependimento. O que vale no caráter do cristão é o sim, sim, não, não, o que passa disso é de procedência maligna. E este “sim” e este “não” são respectivamente, o sim para o que é verdadeiro santo e justo, e o não para o que é falso, ímpio e injusto, não apenas refletido em palavras, mas sobretudo na prática da vida; pois é pelo tipo de fruto que produz que o caráter da árvore é conhecido.

Uma mulher que teme a Deus é uma bênção para os seus amigos e família. Deus criou as mulheres para serem amadas e respeitadas e não para serem tratadas como se fossem inferiores. Homens e mulheres são diferentes mas ambos têm funções importantíssimas na sociedade, na igreja e na família. Uma mulher segundo o coração de Deus certamente fará a diferença no mundo que está à sua volta. Seja temente a Deus, seja feminina, seja forte, seja conselheira e amiga, seja submissa, seja uma mulher segundo a Palavra de Deus! Leia também: Grandes Mulheres da Bíblia Mulheres na Bíblia A mulher exemplar é a coroa do seu marido, mas a de comportamento vergonhoso é como câncer em seus ossos. Provérbios 12:4




















 

Jesus é a calmaria Quando nos sentimos agitados, impacientes, ansiosos ou com raiva, precisamos de calma para fazer a coisa certa. Esses sentimentos são naturais em situações difíceis, mas não podem nos controlar, porque levam ao pecado. A calma ajuda a dominar as emoções negativas e a resolver conflitos sem cair no pecado. Podemos encontrar calma e tranquilidade em Deus. Ele está sempre no controle de todas as coisas, nos ama e tem os melhores planos para nossas vidas. Por isso não precisamos viver agitados. Quando precisamos de calma, podemos orar e pedir a Deus, colocando nossa confiança nele. Calma na Bíblia A resposta calma desvia a fúria, mas a palavra ríspida desperta a ira. Provérbios 15:1

quarta-feira, 24 de novembro de 2021

O SENHOR É MEU PASTOR Precisamos ter cuidado com o orgulho. O orgulho nos faz pensar que somos melhores que outras pessoas. O orgulhoso não se submete a Deus porque acha que seu próprio caminho é melhor. Mas no fim descobrirá que o caminho de Deus é perfeito e será humilhado. Nosso orgulho deve estar em Deus. É Deus quem nos ajuda a ter sucesso; é Deus quem nos dá talentos e sabedoria. Quando entendemos que tudo vem de Deus, teremos uma visão equilibrada de nossos sucessos, sem orgulho excessivo. Orgulho na Bíblia O orgulho do homem o humilha, mas o de espírito humilde obtém honra. Provérbios 29:23

21° Edição do REINO hoje tema Saudade A saudade é um sentimento natural quando estamos longe de quem amamos. O amor nos faz querer estar com as pessoas, partilhar experiências com elas. A saudade é querer estar presente na vida de quem amamos. Deus nos consola quando sentimos saudades. Podemos até usar a saudade para fazer o bem a quem amamos! Na hora da saudade, podemos orar pelos nossos queridos. Também podemos usar a oportunidade para lhes enviar uma mensagem, para saberem que estão no nosso coração. Saudade na Bíblia Assim acontece com vocês: agora é hora de tristeza para vocês, mas eu os verei outra vez, e vocês se alegrarão, e ninguém tirará essa alegria de vocês. João 16:22

Brasil 🇧🇷 acima de tudo e Deus acima de todos, Grupo Coringa Filial Bahia Em artigo, o coronel Cláudio Tavares Casali explica que o brado, atualmente difundido pelos quartéis, surgiu no final da década de 1960, durante a ditadura militar, pouco depois do decreto do Ato Institucional nº 5 (AI -5). Um grupo de paraquedistas nacionalistas formado pelos capitães paraquedistas Francimá de Luna Máximo, José Aurélio Valporto de Sá e Kurt Pessek teria criado, nesse contexto, o lema “Brasil acima de tudo”.  Chamado Centelha Nativista, o grupo tinha como objetivo ressuscitar os valores “de nacionalismo não xenófobo, de amor ao Brasil e de criar meios que reforçassem a identidade nacional e evitasse a fragmentação do povo pela ideologia e exploração de dissensos da sociedade dividindo o povo nos termos da velha luta de classes do marxismo”. Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/politica/republica/eleicoes-2018/brasil-acima-de-tudo-conheca-a-origem-do-slogan-de-bolsonaro-7r6utek3uk1axzyruk1fj9nas/ Copyright © 2021, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.

Casas e riquezas herdam-se dos pais,mas a esposa prudente vem do Senhor....

terça-feira, 23 de novembro de 2021

20° Edição do REINO hoje tema PAZ Quem aceitou Jesus no seu coração pode experimentar essa paz que muitas vezes é impossível de explicar. Porque mesmo nos momentos difíceis, Deus está no controle e nos ajuda a suportar qualquer adversidade. A Paz na Bíblia "Eu disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". João 16:33

Quando a Bíblia fala de chamado, a referência é quase sempre ao chamado de Deus ou a chamada Deus sobre a vida do crente. É também usado o termo vocação, aquilo para que o cristão foi chamado. Chamado na Bíblia Irmãos, pensem no que vocês eram quando foram chamados. Poucos eram sábios segundo os padrões humanos; poucos eram poderosos; poucos eram de nobre nascimento. 1 Coríntios 1:26


 

A doação é uma forma de colocar a fé em prática. Quem doa seu dinheiro, seus bens ou seu tempo ajuda outras pessoas e mostra o amor de Deus. A doação é uma forma de servir a Deus e às pessoas à nossa volta. Quem ama quer ajudar. Se alguém vê uma pessoa necessitada e não sente compaixão nem vontade de ajudar, não ama de verdade. Não devemos amar as riquezas acima de outras pessoas. Quem ajuda com doações investe no amor. Doação na Bíblia Há quem dê generosamente, e vê aumentar suas riquezas; outros retêm o que deveriam dar, e caem na pobreza. O generoso prosperará; quem dá alívio aos outros, alívio receberá. Provérbios 11:24-25


 

Ele é meu Escudo Depois dessas coisas o Senhor falou a Abrão numa visão: "Não tenha medo, Abrão! Eu sou o seu escudo; grande será a sua recompensa!" Gênesis 15:1

segunda-feira, 22 de novembro de 2021

NOS ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS




 

A FÉ E A ORAÇÃO


 

19° Edição do REINO hoje tema o Eu Sou .Êxodo 3:13-14 "Eu Sou" é um dos nomes que Deus atribuiu a si. A primeira declaração aparece em Êxodo, quando Moisés pergunta a Deus o que diria quando fosse perguntado pelos israelitas qual era o seu nome. Deus diz a Moisés: " Eu Sou o que Sou". No Evangelho de João no Novo Testamento, Jesus utiliza o termo "Eu Sou" em sete apontamentos que declaram a Sua missão de salvar o mundo: "Eu Sou o Pão da vida." (João 6:35, 48, 51) "Eu Sou a Luz do mundo." (João 8:12) "Eu Sou a porta das ovelhas." (João 10:7,9) "Eu Sou o Bom Pastor." (João 10:11, 14) "Eu Sou a Ressurreição e a Vida." (João 11:25) "Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida." (João 14:6) "Eu Sou a videira verdadeira." (João 15: 1,5) Eu Sou na Bíblia Moisés perguntou: "Quando eu chegar diante dos israelitas e lhes disser: O Deus dos seus antepassados me enviou a vocês, e eles me perguntarem: 'Qual é o nome dele?' Que lhes direi?" Disse Deus a Moisés: "Eu Sou o que Sou. É isto que você dirá aos israelitas: Eu Sou me enviou a vocês". Êxodo 3:13-14

Mensagem Mateus 10-5/8 Somos chamados para buscar as ovelhas perdidas da casa de Israel A traição é uma coisa terrível, porque destrói a confiança. Deus é fiel, ele nunca trai quem confia nele. Mas muitas vezes nós traímos Deus. A idolatria é traição contra Deus. A Bíblia compara a idolatria com o adultério, porque só devemos ter um Deus. A pessoa traída se sente machucada e perde a confiança no traidor. Por isso, é muito importante ser fiel. A traição destrói bons relacionamentos. Deus castiga o traidor mas recompensa a fidelidade. Traição na Bíblia Enquanto ele ainda falava, apareceu uma multidão conduzida por Judas, um dos Doze. Este se aproximou de Jesus para saudá-lo com um beijo. Mas Jesus lhe perguntou: "Judas, com um beijo você está traindo o Filho do homem?" Lucas 22:47-48

sexta-feira, 19 de novembro de 2021

18° Edição do REINO hoje tema Visão Habacuque 2-3 A visão é uma das formas que Deus pode usar para se revelar a uma pessoa. Frequentemente, as visões são vinculadas a alguma promessa feita por Deus a uma pessoa, podendo estar ligada a um chamado ou ministério que Deus tem para essa pessoa. Toda a visão vem de Deus? Este é um assunto delicado, porque é preciso saber que assim como no caso dos sonhos, nem todas as visões são de Deus. Então como posso saber se a visão é de Deus? Em primeiro lugar, é preciso saber que a principal maneira que Deus se revela é através da Sua Palavra, a Bíblia. Assim, se você teve uma visão que é contrária à Bíblia e aos seus ensinamentos, a visão não é de Deus. Se você tem dúvida quanto à sua visão, ore e peça a Deus sabedoria para interpretar a visão. Além disso, você também pode falar com alguma pessoa madura na fé para que te ajude a entender melhor a visão. Visão na Bíblia Onde não há revelação divina, o povo se desvia; mas como é feliz quem obedece à lei! Provérbios 29:18 "E, depois disso, derramarei do meu Espírito sobre todos os povos. Os seus filhos e as suas filhas profetizarão, os velhos terão sonhos, os jovens terão visões. Joel 2:28 Pois a visão aguarda um tempo designado; ela fala do fim e não falhará. Ainda que demore, espere-a; porque ela certamente virá e não se atrasará. Habacuque 2:3

quinta-feira, 18 de novembro de 2021

17° Edição do REINO hoje tema a Obra de Deus João 8-23 JOÃO 6.28 – A OBRA DE DEUS EM NÓS Perguntaram a Jesus: “Que faremos para executarmos as obras de Deus?” Jesus respondeu, e disse-lhes: A obra de Deus é esta: Que creiais naquele que ele enviou.” (João 6.28,29) Nota-se claramente que a preocupação principal de alguns discípulos era fazer algumas coisas para Deus. Pela resposta de Cristo percebe-se que Eles não está preocupado em alguém para fazer coisas para Deus. Não que Ele necessite de nosso trabalho, mas o nosso Pai celestial almeja antes de tudo que o conheçamos através de um profundo relacionamento com Ele. Sim, precisamos executar as obras de Deus, mas primeiramente precisamos deixar que Deus e execute a Sua obra em nós! imagem da A obra de Deus em nós. Todo ser humano cresce cheio de egoísmo e presunção. Muitas vezes somos tentados a desejar a fama, os elogios, as posições de destaque, o reconhecimento, etc. Essas coisas só atrapalham o nosso relacionamento com Deus. Esta é a nossa dura cruz que precisamos identificar cada dia em nosso viver. Cristo foi enfático: “E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo.” (Lucas 14.27) A obra de Deus só aparece quando morremos para nossos desejos pessoais, para o nosso eu, para as coisas do velho homem. João Batista compreendeu isto ao dizer “É necessário que ele cresça e que eu diminua.” (João 3.30) Esta é a única condição de frutificação. Cristo disse: “Na verdade, na verdade vos digo que, se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muito fruto.” (João 12.24) João 6.28 A Obra de DeusJesus respondeu a pergunta de seus discípulos desta forma: “A obra de Deus é esta: Que creiais naquele que ele enviou.” Crer em Deus é o ponto inicial para conhecê-lo, para ter intimidade com ele. Quando realmente cremos em Deus nos dirigimos à sua Palavra afim aprendermos de Deus. Em 2 Timóteo 3.16,17 lemos: “Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça; Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.” Pela Palavra somos consolados e também confrontados em relação a nossos erros. Davi orava assim: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos. E vê se há em mim algum caminho mau, e guia-me pelo caminho eterno.” (Salmos 139.23,24) Temos uma promessa fenomenal de Cristo sobre a obediência à sua palavra: “Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.” (João 14.23) Imagine o resultado de tudo isto? Esta é a nossa capacitação. Ao lermos a Palavra descobriremos também nossa necessidade de orar. Em Atos 13.4 lemos sobre a vida diária de Barnabé e Paulo: “E, servindo eles ao Senhor, e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado. “E assim estes, enviados pelo Espírito Santo, desceram a Selêucia e dali navegaram para Chipre…” Cada um tem um chamado mas a consagração define a nossa preparação para executarmos a obra de Deus.

A juventude passa muito rápido, e por isso cada segundo deve ser aproveitado da melhor maneira. Enquanto houver força, enquanto houver saúde, devemos investir a nossa vida em alguma coisa que vale a pena. Nada é mais seguro e certo do que investir no Reino de Deus, que vai durar para sempre. Os jovens que dedicam as suas vidas ao Senhor não ficarão frustrados, porque Deus certamente abençoa aqueles que O servem. Não perca tempo com coisas fúteis, viva para o Senhor desde a juventude! Jovens na Bíblia Filhinhos, eu escrevi a vocês porque conhecem o Pai. Pais, eu escrevi a vocês porque conhecem aquele que é desde o princípio. Jovens, eu escrevi a vocês, porque são fortes, e em vocês a Palavra de Deus permanece, e vocês venceram o Maligno. 1 João 2:14

Esses são os dois maiores mandamentos da Bíblia: amar o próximo e amar a Deus! A passagem sobre amar o próximo encontra-se em Mateus 22:34-40. Neste trecho, Jesus foi questionado sobre qual seria o maior mandamento da Lei: "Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?" (Mateus 22:36). Jesus respondeu: "Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento" (Mateus 22:37). Jesus continua e diz outro mandamento: "Ame o seu próximo como a si mesmo" (Mateus 22:39). Jesus resumiu os 10 mandamentos da Lei (Êxodo 20:1-17), em dois grandes mandamentos. Obedecendo esses dois mandamentos do Novo testamento, consequentemente, estará obedecendo os mandamentos do Antigo Testamento. Quando escolhemos amar o próximo na mesma medida que amamos nós mesmos, independentemente se o outro ama ou não, estou cumprindo e obedecendo ao mandamento de Jesus. Não há amor igual ao de Deus! Ele nos amou primeiro, sendo nós ainda pecadores. Apenas o amor do Senhor pode mudar vidas completamente. É este amor incondicional que devemos ter pelo próximo! Amar ao próximo como a ti mesmo na Bíblia Ao ouvirem dizer que Jesus havia deixado os saduceus sem resposta, os fariseus se reuniram. Um deles, perito na lei, o pôs à prova com esta pergunta: "Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?" Respondeu Jesus: " 'Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento'. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: 'Ame o seu próximo como a si mesmo'. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas". Mateus 22:34-40






 

segunda-feira, 15 de novembro de 2021

Evangelho significa "boa notícia". O evangelho é a boa notícia da salvação em Jesus. Ele morreu e ressuscitou para nos salvar de nossos pecados. Agora todo aquele que crê em Jesus não vai ser condenado mas tem a vida eterna!Todos precisam ouvir o evangelho, porque Jesus é o único caminho para a salvação. Jesus nos encarregou de contar as boas notícias às pessoas à nossa volta. O evangelho é uma notíca tão boa que não podemos guardar só para nós!Evangelho na BíbliaNão me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: primeiro do judeu, depois do grego.Romanos 1:16

Jesus prometeu que um dia iria voltar para levar aqueles que creem nele para o Céu. Esse dia será o fim do mundo e para os salvos será o dia da ressurreição e o início da vida eterna com Jesus.Ninguém sabe quando Cristo voltará mas ele nos deixou alguns sinais. Antes de sua vinda, haverá guerras, fomes, terremotos, perseguição aos cristãos, falsos profetas e pessoas fingindo ser Jesus. Acontecerão sinais no céu e na terra e o evangelho será pregado a todas as nações.A segunda vinda de Cristo será claramente visível. Não será um segredo, todos o verão. Ele virá com o som da trombeta e da voz do arcanjo e descerá das nuvens. Os sinais servem para nos lembrar que sua vinda está próxima e precisamos estar prontos, vivendo em santidade.Versículos de Segunda Vinda de Cristoque lhes disseram: "Galileus, por que vocês estão olhando para o céu? Este mesmo Jesus, que dentre vocês foi elevado aos céus, voltará da mesma forma como o viram subir".Atos dos Apóstolos 1:11

domingo, 14 de novembro de 2021

TemasO COMPORTAMENTO CRISTÃO NO DIA A DIA- INTRODUÇÃO: Analisando a carta de Tito com mais atenção, fiquei maravilhada quanto ao que ela nos ensina. São apenas três capítulos, mas fala tudo que precisamos, nos leva a termos postura diante de Deus e da sua palavra.Enquanto nós nos calamos em nome da ética e do bom senso, diz em Tito 1.10,11 que há muitos sem ética, isto é, insubordinados, faladores, vãos e enganadores que nós devemos tapá-lhes a boca.Como está seu testemunho?Vejamos sobre o testemunho cristão:1) Não devemos ficar calados? Tito 1.9Esse versículo diz que devemos reter firmes a fiel palavra, que sejamos poderosos , tanto para admoestar na sã doutrina, como para convencer os contradizentes. Em Tito 1.15b diz: "nada é puro para os corrompidos e descrentes, o seu entendimento e sua consciência estão contaminados". O verso 16 diz que "dizem conhecer a Deus, mas as suas obras o negam". Como bem disse Martim Luther King: “O que me preocupa não são os gritos dos maus, mas o silêncio dos bons”. De que me adianta ser bom ou boa, se não sou corajoso o bastante para defender o evangelho, a Deus e a meus irmãos na fé, que muitas vezes são vítimas desses tipos de pessoas?Todos os cristãos precisam ter coragem de falar a verdade doa a quem doer. “É melhor um tapa com amor do que um beijo fingido”, dizia um velho pastor amigo nosso.2) Como devemos nos comportarTito cap. 2 começa nos ensinando bravamente como devemos nos comportar.O texto exorta, exorta, exorta e então não adianta ser bonzinho, ser ético, ficar bem com todo mundo, para ser queridinho de todos, mas mal diante de Deus; pois nos dias de hoje as coisas acontecem do mesmo jeito que aconteceram em Creta. O Apóstolo Paulo deixou Tito em Creta (Tito 1.5) para que pusesse em ordem os irmãos daquele lugar, para que escolhesse homens que pudessem ser constituídos presbíteros, homens com qualidades ótimas, um monte de requisitos, que não se observa hoje. Se a pessoa tem um requisito, já acham que está bom para consagrar e, depois, eles não conseguem fazer como manda a palavra. Não conseguem convencer ninguém do que é certo, e ainda é perigoso os mesmos passarem para o outro lado (Tt 1.5-11).Misericórdia! Não se deve ter medo de dar a cara à tapa não, pois Deus honra àqueles que estão do lado dEle.Tito 2.15: “fala estas coisas, exorta e repreende com toda autoridade”.3) Como devemos viver – Tito 3O capítulo nos mostra como éramos, e nos diz como devemos viver, diz que devemos estar preparados para toda boa obra. Tito 3.2 diz: "sejamos mansos, cordatos para com todos, mas na hora de mostrar os erros deles devemos exortar com autoridade". Tito 3.8 diz que "fiel é a Palavra, e quero que a proclame com firmeza", Tito 3.9 diz que "precisamos ter sabedoria, evitar questões tolas, genealogias, contendas e debates acerca da lei, porque são coisas inúteis e vãs".Tito 3.10-11 diz "ao homem faccioso depois da primeira e segunda admoestação, deixe ele para lá, que se acerte com Deus". Que Deus abaixe a crista dele, que o seu império vá ao chão, sabendo que já está no erro e que por si só está condenado! Mas ao que anda segundo a Palavra, existem muitas recomendações. Sabemos que zona de conforto não é para cristão autêntico, que precisa manejar bem a Palavra de Deus, ou, senão vai ser difícil, consertar a vida dessas pessoas que o Apóstolo Paulo fala a Tito.CONCLUSÃOCom certeza Deus, quer consertar a vida de todos, principalmente a dos pastores, presbíteros e diáconos que foram consagrados à obra dEle e, é claro, também a dos obreiros e líderes separados ao trabalho da visão celular e até mesmo às ovelhas membros das células. É justamente por isso que em Tito 2.7-8 diz que devemos ser exemplo em tudo, íntegros na doutrina e ter uma linguagem sã!Cuidado você, que gosta de piadinhas e mensagens (whatsapp, face, celular etc...) maliciosas, de baixo calão e gírias torpes! Releia o v.8 e leia Ef. 4.29 que diz “Não sai da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graças aos que a ouvem”. Deus nos abençoe.

Todos somos chamados para pregar o Evangelho. Ao longo de nossas vidas encontramos pessoas que não conhecem Jesus e precisam ouvir a mensagem de salvação. Pregar não é apenas falar do púlpito; é também conversar, explicar e testemunhar sobre a salvação em Jesus para as pessoas que conhecemos.Algumas pessoas têm o dom da pregação. Essas pessoas ajudam a edificar a Igreja, ensinando mais sobre a palavra de Deus. Devemos respeitar e orar pelos pregadores, porque têm uma grande responsabilidade diante de Deus e seu trabalho não é fácil. Também devemos analisar tudo que é dito, para confirmar que está de acordo com a Bíblia.Pregação na BíbliaE disse-lhes: "Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas.Marcos 16:15

sexta-feira, 12 de novembro de 2021

DOE COM TODO TEU CORAÇÃO


 

15° Edição do REINO hoje tema Julgamento João 7-24 É muito importante fazer distinção entre o que é certo e errado. Para isso, precisamos fazer julgamentos. Não é errado julgar para entender se uma ação é certa ou errada. Mas quando entendemos que algo é errado, temos a responsabilidade de não fazer. Por outro lado, precisamos ter cuidado com julgamentos. Muitas vezes julgamos de maneira injusta, olhando as aparências ou sem tentar entender direito. Não devemos condenar as pessoas, sem misericórdia. Assim como Deus nos perdoou, nós também devemos perdoar os outros. Julgar ou não julgar na Bíblia Não julguem apenas pela aparência, mas façam julgamentos justos". João 7:24 "Não julguem, para que vocês não sejam julgados. Pois da mesma forma que julgarem, vocês serão julgados; e a medida que usarem, também será usada para medir vocês. "Por que você repara no cisco que está no olho do seu irmão e não se dá conta da viga que está em seu próprio olho? Como você pode dizer ao seu irmão: 'Deixe-me tirar o cisco do seu olho', quando há uma viga no seu? Hipócrita, tire primeiro a viga do seu olho, e então você verá claramente para tirar o cisco do olho do seu irmão. Mateus 7:1-5 Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo. 1 João 4:1 Irmãos, não falem mal uns dos outros. Quem fala contra o seu irmão ou julga o seu irmão fala contra a Lei e a julga. Quando você julga a Lei, não a está cumprindo, mas está agindo como juiz. Há apenas um Legislador e Juiz, aquele que pode salvar e destruir. Mas quem é você para julgar o seu próximo? Tiago 4:11-12






 

quinta-feira, 11 de novembro de 2021

14° Edição do REINO hoje tema o amor a se mesmo Mateus 22-34-40 Esses são os dois maiores mandamentos da Bíblia: amar o próximo e amar a Deus! A passagem sobre amar o próximo encontra-se em Mateus 22:34-40. Neste trecho, Jesus foi questionado sobre qual seria o maior mandamento da Lei: "Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?" (Mateus 22:36). Jesus respondeu: "Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento" (Mateus 22:37). Jesus continua e diz outro mandamento: "Ame o seu próximo como a si mesmo" (Mateus 22:39). Jesus resumiu os 10 mandamentos da Lei (Êxodo 20:1-17), em dois grandes mandamentos. Obedecendo esses dois mandamentos do Novo testamento, consequentemente, estará obedecendo os mandamentos do Antigo Testamento. Quando escolhemos amar o próximo na mesma medida que amamos nós mesmos, independentemente se o outro ama ou não, estou cumprindo e obedecendo ao mandamento de Jesus. Não há amor igual ao de Deus! Ele nos amou primeiro, sendo nós ainda pecadores. Apenas o amor do Senhor pode mudar vidas completamente. É este amor incondicional que devemos ter pelo próximo! Amar ao próximo como a ti mesmo na Bíblia Ao ouvirem dizer que Jesus havia deixado os saduceus sem resposta, os fariseus se reuniram. Um deles, perito na lei, o pôs à prova com esta pergunta: "Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?" Respondeu Jesus: " 'Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento'. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: 'Ame o seu próximo como a si mesmo'. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas". Mateus 22:34-40

quarta-feira, 10 de novembro de 2021

Igreja Jesus é a Vitoria Missionariá

Congresso da Conversão das Igrejas Jesus é a Vitoria Missionariá

Duas mensagens em uma vem comigo.

Congresso das Igrejas Pentecostais Jesus é a Vitoria Missionariá

Congresso da Conversão das Igrejas Jesus é a Vitoria Missionariá

13° Edição do REINO hoje tema Homem de Deus Gênesis 2-15 As Características de um Homem de Deus Esse é um homem de Deus! Essa frase é muito escutada nos círculos cristãos, falada por diversos tipos de pessoas. Mas pude ver que, na maioria das vezes, essa é uma resposta a uma preferência de comportamento da pessoa que faz tal elogio, talvez porque gostou de algo que viu outro fazer ou dizer. Mas, devido a importância desse tema — dizer que alguém é um homem de Deus é, na verdade, uma grande honra — devemos considerar se quem o recebe realmente tem as condições para ser elogiado dessa forma. À luz das Escrituras, gostaria de considerar cinco características que devem ser parte da vida daquele que é chamado um homem de Deus. Essas não são as únicas — a bíblia nos diz muito mais —, mas essas são as que eu proponho como pré-requisitos para ser considerado em tão grande estima. Para lembrar-lhes de uma maneira fácil, as chamei de 5 C’s: Cristo, Cruz, Convicção, Compromisso, Caráter. Cristo O homem que merece esse adjetivo de ser um homem de Deus deve ser alguém que se arrependeu dos seus pecados, que depositou a sua fé na obra salvadora de Cristo em seu favor na cruz, e que decidiu seguir a Cristo com humildade, simplicidade de coração e transformação de vida que demonstra uma dependência e obediência total a Sua Palavra. Esse é um homem que, como o apóstolo Paulo está disposto a dizer e viver que “para mim o viver é Cristo e o morrer é lucro” (Fp 1.21). Ao contrário de muitos que hoje em dia estão correndo atrás de Cristo pelos pães e peixes, o verdadeiro homem de Deus deve estar disposto a dar a sua vida pela causa de Cristo Cruz O homem de Deus deve ter um conceito alto sobre o que representa a cruz, e deve procurar guiar suas conversas com o os não-cristãos de modo a fazer conhecer o que significa a cruz de Cristo. Paulo pregava a cruz, ainda que fosse loucura para os que se perdem (1Co 1.18). A cruz era a fonte de toda glória que Paulo podia ter, “Mas longe esteja de mim gloriar-me, senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim, e eu, para o mundo” (Gl 6.14). Um homem de Deus entende o seu chamado a negar a si mesmo, tomar a sua cruz, e seguir a Jesus (Mc 8.34) Convicção Um homem ao que podemos chamar homem de Deus deve estar plenamente convencido da existência de Deus e da revelação divina da Sua Palavra, e defender e proclamar essas verdades em qualquer lugar. O peso da sua convicção deve ser tal que ele está disposto a pagar o preço que for para defender a verdade do evangelho. Esse homem deve estar convencido do seu lugar como sal da terra e luz do mundo (Mt 5.13-14), e portanto, vai buscar que aconteça o que diz Mateus 5.16 “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus”. Compromisso Essa qualidade é de vital importância. Homem nenhum pode ser levado a sério se não está comprometido genuinamente. Compromisso com o que? Ele deve estar comprometido com: • A causa de Cristo • Sua esposa (ou namorada) • Seus filhos (se tiver) • Sua família • Sua igreja • Seus estudos • Seu trabalho O homem comprometido demonstra lealdade a tudo o que foi mencionado. É um homem que, ao final da sua vida, poderá repetir as palavras do apostolo Paulo “Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé” (2Tm 4.7). É aquele homem que pode repetir as palavras de Jesus: “Eu te glorifiquei na terra, consumando a obra que me confiaste para fazer” (Jo 17.4) Caráter O caráter cristão é a prova final. Por caráter cristão deve-se entender a semelhança nossa com Cristo, o que implica o desafio mais importante e nosso maior objetivo na vida cristã. Já que o que nos identifica como filhos de Deus, habitados pelos Espirito Santo, não são os dons, mas os frutos, que revelam que existe sabedoria divina correndo em nosso ser. Que seja a nossa meta ser um retrato vivo de Cristo na terra. Quando Paulo fala a Timóteo sobre os requisitos para servir, seja como bispo ou diácono (1Tm 3), todos têm a ver com caráter. Depois de considerar tudo o que foi dito anteriormente, nossa intenção é que isso nos faça pensar e refletir, para poder dizer, com uma consciência limpa, esse é um homem de Deus!

terça-feira, 9 de novembro de 2021

12° Edição o REINO hoje tema Pastor Efésios 4-11/12 Ovelhas são criaturas que precisam de muito cuidado. O trabalho do pastor é cuidar das ovelhas e guiá-las. Na Bíblia os líderes são comparados com pastores, porque guiam e cuidam do povo. Jesus é o Bom Pastor. Ele cuida de nós com amor e dedicação. Ele é nosso grande líder e não nos abandona. Muitos líderes são gananciosos e só pensam em si mas Deus quer nosso bem. Na igreja o pastor é um líder com o dom de instruir e guiar a congregação. O pastor tem grande responsabilidade e terá de responder perante Deus por seu trabalho. Um bom pastor merece ser honrado, porque seu trabalho é muito difícil e muito importante para a congregação. Pastor na Bíblia E ele designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres, com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado, Efésios 4:11-12

Bem-aventurado significa abençoado. No seu discurso das bem-aventuranças, Jesus abençoou vários tipos de pessoas: os pobres em espírito os que choram os humildes os que têm fome e sede de justiça os misericordiosos os puros de coração os pacificadores os perseguidos por causa da justiça Com essas bênçãos, Jesus subverteu muitos valores deste mundo, que dão mais impotância à força, ao poder e ao sucesso. Jesus mostrou que as verdeiras bênçãos, que são eternas, pertencem àqueles que são dedicados às coisas de Deus. Bem-Aventurado na Bíblia "Bem-aventurados os pobres em espírito, pois deles é o Reino dos céus. Bem-aventurados os que choram, pois serão consolados. Bem-aventurados os humildes, pois eles receberão a terra por herança. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, pois serão satisfeitos. Bem-aventurados os misericordiosos, pois obterão misericórdia. Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus. Bem-aventurados os pacificadores, pois serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, pois deles é o Reino dos céus. Mateus 5:3-10




 

quinta-feira, 4 de novembro de 2021

9° Édição do REINO hoje tema Aflições A Bíblia é bem clara: quem segue a Jesus passará por aflições. Mas há esperança, porque se pedirmos, Deus nos dá forças para aguentar e nunca nos abandona no meio de uma tempestade. Jesus mesmo afirmou que seguir a Deus não significa que nunca vamos enfrentar problemas. Mas isso não deve servir para servir para nos desmotivar. Pelo contrário, devemos aproveitar as adversidades para confiar em Deus e aprender o que Ele quer nos ensinar. Quando enfrentamos batalhas e perseveramos, Deus trabalha no nosso caráter; a fé e a esperança crescem no nosso coração. Quando temos a atitude correta, os desafios na nossa vida no ajudam a ganhar maturidade. Assim, se você estiver passando por aflições, não desanime, não desista! O que a Bíblia diz sobre aflições Não só isso, mas também nos gloriamos nas tribulações, porque sabemos que a tribulação produz perseverança; a perseverança, um caráter aprovado; e o caráter aprovado, esperança. Romanos 5:3-4 Meus irmãos, considerem motivo de grande alegria o fato de passarem por diversas provações, pois vocês sabem que a prova da sua fé produz perseverança. Tiago 1:2-3 Os justos clamam, o Senhor os ouve e os livra de todas as suas tribulações. O Senhor está perto dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito abatido. O justo passa por muitas adversidades, mas o Senhor o livra de todas; protege todos os seus ossos; nenhum deles será quebrado. Salmos 34:17-20

O amor perfeito é incondicional. Quem ama incondicionalmente não ama por interesse mas simplesmente ama, sem exigir nada em troca. Jesus nos ensinou a amar incondicionalmente, até nossos inimigos! O pecado nos torna inimigos de Deus. Não merecemos nada mas, mesmo assim, Deus nos ama e enviou Jesus para nos salvar. Seu amor é incondicional. Seu amor por nós nunca acaba, apesar de sermos falhos. O amor de Deus é incondicional mas a salvação não é. Quem ama também castiga. Em seu amor, Deus não nos obriga a amá-lo de volta. Mas somente quem crê em Jesus será salvo e receberá a vida eterna. Amor incondicional na Bíblia Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores. Romanos 5:8


 

quarta-feira, 3 de novembro de 2021


 

Escreva-se em nosso canal, assine o sino das notificações e compartilhe.

8° Edição o REINO Tema de hoje é NAÇÃO SALMOS 33-12 A Bíblia nos mostra que toda nação que coloca Deus à frente colhe os bons frutos da sua escolha. O povo de Israel se tornou uma grande nação quando colocou Deus à frente do seu povo. Quando aceitamos a Jesus Cristo, fazemos parte do povo de Deus, nação santa separada por Ele. Para a existência de uma nação não é necessário um território definido. A exemplo do povo hebreu que ficou cativo no Egito mas continuou sendo uma nação. Mesmo sob domínio do Faraó, Deus libertou o povo de Israel sob a liderança de Moisés que conduziu a nação até a terra prometida por Deus para se estabelecer. Como é feliz a nação que tem o Senhor como Deus, o povo que ele escolheu para lhe pertencer! Salmos 33:12 Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz. 1 Pedro 2:9 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade nos céus e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, Mateus 28:18-19 pois do Senhor é o reino; ele governa as nações. Salmos 22:28 Como é feliz o povo assim abençoado! Como é feliz o povo cujo Deus é o Senhor! Salmos 144:15

Minha Chamada Ter temor de Deus é respeitar o poder e a santidade de Deus. Quem teme a Deus quer agradá-lo. O temor de Deus nos ajuda a viver de maneira correta, escolhendo fazer o que é certo. Temer a Deus é uma atitude sábia. A pessoa que não teme a Deus não se preocupa em fazer o bem. Mas Deus castiga o pecado. Quem teme a Deus evita o castigo. Mas Deus também perdoa quem se arrepende e se volta para ele. Por isso, ele merece ainda mais respeito. Temor de Deus na Bíblia O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; todos os que cumprem os seus preceitos revelam bom senso. Ele será louvado para sempre! Salmos 111:10

7° Edição REINO hoje tema você meditarNa Bíblia meditar é refletir na palavra de Deus. Quando paramos para meditar, focamos em Deus. Tiramos todas as distrações e refletimos naquilo que Deus nos quer dizer. A meditação nos ajuda a ter uma experiência mais profunda com Deus. Meditar na Bíblia é tirar tempo para entender o que estamos lendo e encontrar o signifcado para nossa vida. Quando meditamos em Deus, ele fala conosco e guia nossos pensamentos. Meditação na Bíblia Não deixe de falar as palavras deste Livro da Lei e de meditar nelas de dia e de noite, para que você cumpra fielmente tudo o que nele está escrito. Só então os seus caminhos pros­perarão e você será bem-sucedido. Josué 1:8